17/05/2016 às 07h00min - Atualizada em 17/05/2016 às 07h00min

UFMT do Araguaia oferece sessão gratuíta de terapia sexual

Filhos da Pauta
Vanessa Lima

O projeto de extensão saúde e sexualidade (SaSex), realizado na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), disponibiliza terapia sexual gratuitamente ao corpo acadêmico do campus, como também para a população em geral em Barra do Garças. O enfermeiro e professor da UFMT Elias Marcelino Rocha, pós graduado em terapia sexual, é o atual responsável pelo projeto, que está em atividade há três anos.

Elias Marcelino realiza o projeto com o propósito de ajudar a diminuir traumas por educação repressora, trabalhar a saúde sexual, falar e respeitar os valores do indivíduo em caráter psicológico. Ele ainda explica que o objetivo da terapia é tratar qualquer disfunção ou insatisfação de cunho sexual e/ou emocional, seja individualmente ou em casais. 

Pacientes refletem mudanças positivas e gradativas com sessões em médio prazo, afirma Elias Marcelino. Luciano Marques, 21 (nome fictício), é estudante da UFMT, frequenta as sessões de terapia desde outubro de 2014. “Lido melhor com minha sexualidade e tenho mais facilidade em discutir sobre o assunto.” reconhece Luciano Marques.

Outros pacientes complementam sobre a necessidade de uma educação sexual adequada e do quanto a falta da mesma pode ser prejudicial. “Vivemos uma pobreza de educação sexual, que culmina em gravidez indesejada, tabus sexuais e objetificação do sexo.”, diz Vivane Sales, 20, estudante de comunicação social e paciente de Elias Marcelino.

Todos os entrevistados disseram ter chegado até a terapia sexual por meio de relatos de amigos e/ou conhecidos, que participaram anteriormente e que objetiveram resultados satisfatórios.

Os interessados em participar devem entrar em contato com Elias Marcelino Rocha, também professor da UFMT no curso de Enfermagem, através do telefone (66) 9999 7287. Os horários para a terapia são agendados conforme a disponibilidade do paciente e do terapeuta. As sessões são realizadas no campus de Barra do Garças, UFMT, de segunda a sexta-feira, nos períodos matutino e vespertino.

Matéria elaborada por Akayan Machado e Vanessa Lima. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.7%
5.1%
19.8%
73.4%