Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
09/11/2022 às 06h49min - Atualizada em 09/11/2022 às 06h49min

MP denuncia cidade que quer gastar R$ 1 milhão com festas após decretar emergência por conta das chuvas

Araguaia Notícia
G1 MT 
ARAGUAIA NOTÍCIA


A Prefeitura Municipal de Jauru, a 463 Km de Cuiabá, pretende realizar as festividades da "Expojauru" – Festa do Peão e a Feira da Amizade –, que irão custar de R$ 1 milhão, entre verbas municipais e estaduais. Conforme o Ministério Público de Mato Grosso (MPMT), o município tem descumprido diversas obrigações que são necessidades constitucionais nas áreas da saúde, educação e meio ambiente.

As festas podem não ocorrer, caso o Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) acolha a denúncia feita pela Promotoria de Justiça de Jauru, que ajuizou uma Ação Civil Pública requerendo a suspensão imediata dos eventos.

A Prefeitura de Jauru disse que o procurador do município está se inteirando da ação e irá se manifestar posteriormente.

O Ministério Público pediu ainda, que seja determinada a devolução aos cofres públicos dos valores e que o município não realize as festas e shows.[Comunidades estão isoladas após quedas de pontes — Foto: Prefeitura de Jauru]Comunidades estão isoladas após quedas de pontes — Foto: Prefeitura de Jauru

Segundo o processo, a medida deve ser tomada enquanto não forem solucionadas as violações de direitos referentes ao estado de emergência decretado pelo município em decorrência das fortes chuvas que atingem a região, o que inclui, por exemplo, reformas e manutenção das unidades básicas de saúde.

“Não se mostra proporcional e moral a realização de eventos desta magnitude quando o Município passa por situação de emergência que aflige a toda a população. Imoral e desproporcional, também, é a realização de evento quando Jauru se encontra pendente na solução de diversos problemas básicos e de interesse dos cidadãos”, argumentou o órgão.

Estado de emergência[Erosões foram causadas pelas fortes chuvas e impedem o acesso na região — Foto: Divulgação]Erosões foram causadas pelas fortes chuvas e impedem o acesso na região — Foto: Divulgação

A Prefeitura de Jauru, no sudoeste do estado, decretou, em fevereiro deste ano, estado de emergência no município por causa das fortes chuvas que atingiram cerca de 200 famílias na região.

De acordo com o decreto municipal da época, os temporais aconteceram desde o início de fevereiro, com alagamento em diversos pontos. Por causa disso, houve danos em obras de infraestrutura pública, alagamentos em residências e áreas rurais. Aproximadamente 850 pessoas foram afetadas.[Defesa Civil está na região de Jauru (MT) fazendo levantamento in loco — Foto: Prefeitura de Jauru]Defesa Civil está na região de Jauru (MT) fazendo levantamento in loco — Foto: Prefeitura de Jauru

Segundo a assessoria de imprensa do município, as chuvas levaram pontes e bueiros. Diante da situação, o prefeito Valdeci de Souza decretou estado de emergência e acionou a Defesa Civil.

No decreto, o prefeito também afirmou que os produtores tiveram dificuldade no escoamento da produção agropecuária local, tendo prejuízos econômicos.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90