Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
08/03/2022 às 07h20min - Atualizada em 08/03/2022 às 07h20min

Empresa contratada pelo DNIT tampa buracos em Aragarças com terra e prefeito entra na Justiça

Araguaia Notícia
A cena está se repetindo na cidade de Aragarças com empresa contratada pelo governo federal (DNIT) tampando buracos no asfalto com terra. No dia de ontem, a mesma empresa, voltou a tampar os buracos na avenida Ministro João Alberto que é sequencia da BR-070 (de responsabilidade do governo federal) novamente com terra.

Esse fato tem irritado ao prefeito de Aragarças, Ricardo Galvão que entrou na Justiça contra o DNIT. Galvão recorreu a justiça da 1ª Região Federal contra a União/DNIT em ação civil pública para cumprimento de obrigação de fazer 

'Não é possível esperar por mais mortes, acidentes de trânsito e transtornos diversos', afirma o prefeito Delegado Ricardo Galvão explicando a decisão tomada em conjunto com sua assessoria jurídica. 

INTRAFEGÁVEL, essa é a situação atual da Avenida Ministro João Alberto, trecho da BR-070/GO, que é a principal via  de acesso a cidade de Aragarças. 

Esgotaram-se todas as tentativas administrativas e tolerância cabíveis para que o DNIT determinasse a imediata operação tapa-buracos, na Avenida Ministro João Alberto em Aragarças-GO, dada a situação absolutamente crítica que ela encontra-se há vários anos, com agravamento real nesse primeiro trimestre de 2022.

Portanto, 'determinei a equipe jurídica da Procuradoria Municipal que tomasse as medidas legais necessárias que o caso requer', encerrou o prefeito Delegado Ricardo Galvão inconformado com o descaso do DNIT com a população aragarcense, da região Araguaia e transeuntes em geral.

CLIQUE AQUI  e entre no grupo de whatsApp do ARAGUAIA NOTÍCIA e receba informações em tempo real

CLIQUE AQUI e entre no grupo do telegram do ARAGUAIA NOTÍCIA e receba informações em tempo real
 
 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI)
Notícias Relacionadas »
Comentários »