12/03/2020 às 13h27min - Atualizada em 12/03/2020 às 13h27min

Bolsonaro entra na disputa e lança coronel Fernanda ao Senado

Agua Boa News
ARAGUAIA NOTÍCIA



A coronel Fernanda foi oficializada nesta quarta-feira (11) como candidata ao Senado pelo partido Patriota. Como trunfo, a legenda tem o apoio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O próprio presidente entrou ao vivo pela internet e manifestou apoio à campanha da tenente-coronel da Polícia Militar de Mato Grosso.  
 
A PM não escondeu que é uma "bolsonarista convicta e desconhecida pela população mato-grossense". Ela acredita que terá tempo suficiente de fazer seu nome conhecido da população até 26 de abril, ancorada na popularidade do presidente em Mato Grosso. 
 
Bolsonaro lembrou que a vaga não estava prevista, mas já que surgiu e precisa ser preenchida por alguém com as qualidades da coronel Fernanda.
 
Segundo ele, a candidata do Patriota está à altura do povo de Mato Grosso. O presidente lembrou que no dia 8 de março foi comemorado o Dia Internacional da Mulher. “Neste momento está sendo convencionada em Mato Grosso uma mulher, policial e cristã, com esses pré-requisitos a nossa pré-candidata entra na disputa para vencer. Acredito no potencial de Mato Grosso nestas eleições, um nome que entrará para o Senado para fazer história”, defendeu o presidente.
 
O presidente destacou ainda que a candidata fará um trabalho voltado para a economia de Mato Grosso e, que se eleita, a coronel Fernanda está ao lado do homem do campo. “Defendendo o agronegócio, que em grande parte é responsável pela economia de Mato Grosso, estará ao lado também da geração de emprego, defendendo o livre mercado e a livre iniciativa, estará ao lado também, se Deus quiser do presidente Jair Bolsonaro”, disse o chefe do Poder Executivo. 
 
A militar destacou que o presidente Jair Bolsonaro é o técnico da direita e que ela servirá como instrumento para ajudar a mudar o Brasil e contra a velha política. “Mato Grosso, sem vocês e sem o nosso presidente, nós não fazemos nada, mas com vocês e o nosso presidente, nós podemos muito”, disse. 
 
A candidata disse que espera uma visita do presidente em Mato Grosso para apoiar sua candidatura. “Presidente, eu não fugirei dessa missão, pode ter certeza, porque coragem, ousadia, meus amigos, minha família e o senhor, eu vou conseguir”, disse a coronel Fernanda ao presidente.  
 
A candidatura será com chapa pura. O ex-deputado federal, Victório Galli, será o primeiro suplente e o policial militar tenente Luciano Esteves Corrêia como o segundo suplente. 
 
Em seu discurso, Galli destacou que a missão da candidatura atende a um pedido do presidente. Segundo ele, o trabalho será para ajudar Jair Bolsonaro a fazer as reformas que o país precisa. "Precisamos de uma reforma cada vez maior para que o salário renda", disse destacando que vai percorrer o estado para divulgar o nome da coronel Fernanda. 


 
Galli é o presidente do Patriota em Mato Grosso. O lançamento da campanha contou com uma plateia formada, em sua maioria, por famílias evangélicas. Durante o evento, no ginásio Verdinho, no CPA em Cuiabá,  foram tocados hinos cristãos e a candidata foi homologada com 100% de apoio dos votantes.
 
Coronel Fernanda conforme foi apresentada à população na convenção, na verdade, é a tenente-coronel Rubia Fernanda de Oliveira Santos, até então desconhecida do público mato-grossense.  
 
Coronel Fernanda disputa vaga que será deixada por outra bolsonarista, a senadora Selma Arruda (Podemos), que teve a confirmação de cassação do seu mandato em dezembro de 2019 pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A Corte determinou a realização de nova eleição que acontece em 26 de abril. 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

0.9%
3.6%
11.7%
83.8%