Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
31/05/2023 às 15h59min - Atualizada em 31/05/2023 às 15h59min

Homem que estuprou e matou mulher pega 25 anos de prisão

Ele passou mais de 10 anos foragido e foi localizado neste mês em Santa Catarina

Mídia News
O autor de um crime de estupro e feminicídio, ocorrido no ano de 2011, em Cáceres foi condenado, na semana passada, pela Justiça a pena de mais de 25 anos de reclusão.
 
O suspeito, que estava foragido há mais de 10 anos, foi preso pela Polícia Civil no último dia 10 de maio, após ser localizado no estado de Santa Catarina, em investigações realizadas pela Gerência Estadual de Polinter e Capturas.

O réu, de 34 anos, foi sentenciado pelo Tribunal do Juri da Comarca de Cáceres a uma pena que totalizou 25 anos, cinco meses e oito dias de reclusão pelo cometimento do crime de estupro e homicídio qualificado - majorado pelas qualificadoras – com recurso que dificultou a defesa da vítima e meio insidioso ou cruel, reconhecidas e admitidas pelo Conselho de Sentença do Tribunal do Juri.

O crime bárbaro ocorreu na noite de 11 de fevereiro de 2011 tendo como vítima Benedita de Paula Nunes, de 27 anos, que foi morta em sua residência no Bairro Vila Real em Cáceres.
 
A vítima foi violentamente agredida, espancada e violentada sexualmente com requintes de crueldade, encontrada no dia seguinte, despida, com várias lesões pelo corpo.

O suspeito teve a prisão preventiva decretada pela Justiça após investigações conduzidas pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cáceres.

O autor do crime passou dez anos foragido da justiça até que em 2021 familiares da vítima procuraram a Gerência Estadual de Polinter e Capturas de Cuiabá, ocasião em que os policiais do Núcleo de Inteligência iniciaram um intenso trabalho de investigação, não medindo esforços para localizar o foragido e dar cumprimento a ordem de prisão.

Novas informações foram apuradas pela Polinter, até se chegar ao paradeiro do procurado que foi localizado e preso no Sul do Pais, no Estado de Santa Catarina. O procurado foi localizado no litoral do estado, em uma região de praia de Balneário Camboriú. Ele trabalhava como vendedor ambulante e por vezes era avistado frequentando praias de nudismo da região.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90