17/04/2011 às 18h53min - Atualizada em 17/04/2011 às 18h53min

Cuiabá derrota o Barra e fica próximo do tricampeonato em MT

A torcida do Galo vê pesadelo de ficar mais uma vez na fila

Olhar Direto
Futebol MT Barra gelou no primeiro jogo da final e agora fica difícil para reverter o placar em Cuiabá

O Cuiabá Esporte Clube deu um passo enorme para conseguir o seu terceiro título estadual ao derrotar o Barra Futebol Clube, em Barra do Garças, por 3 a 1, neste domingo (17), na decisão do Mato-grossense 2011. Um placar elástico e que coloca o time da capital próximo do título, pois decidirá no domingo que vem no Dutrinha podendo perder até por um gol de diferença. Um público de 4 mil pessoas acompanhou o jogo.

A equipe da capital saiu na frente no oportunismo do artilheiro Fernando que marcou o seu décimo segundo gol. Ele viu o goleiro Handerson adiantado e tocou por cobertura de fora da área, abrindo o placar. A equipe do Barra que jogava com apoio da torcida se abateu em campo e somente conseguiu reagir no finalzinho do 1º tempo. Também num lance de fora da área, o meia Israel chutou forte o ângulo direito do goleiro Fernando, empatando para o Galo, 1 a 1.

O empate devolveu confiança à torcida e ao time do Barra que voltou mais forte na etapa complementar e parecia que definir o jogo. Entretanto, um lance polêmico sob protestos da torcida, o jogador Jardel foi expulso por causa de uma falta no adversário somente vista pelo 4º árbitro que chamou atenção do juiz Wagner. Com um jogador a menos, o Galo se abateu novamente e o Cuiabá tomou conta da partida.

Aos 32 minutos, Moreno fez uma avenida pelo setor esquerdo do Galo e marcou o segundo gol na saída do goleiro Handerson. Aos 43 minutos, o lateral Natanael aproveitando à mesma avenida marcou o terceiro gol. Placar final: Barra 1 x 3 Cuiabá.

O resultado deixou o Cuiabá próximo do tricampeonato, o Dourado como é conhecido pela torcida já foi campeão em 2003 em cima do próprio Barra e em 2004 derrotando o União.

O segundo jogo da final, será domingo 24/04, em Cuiabá. O time da capital pode perder até por um gol de diferença e será campeão. Ao Barra resta marcar dois gols para ir para os pênaltis ou três de diferença para ser campeão. A torcida do Galinho mais uma vez ficou na frustração.

Além de Jardel, o jogador Baiano foi expulso ao final do jogo. Torcedores protestaram muito com relação à arbitragem de Wagner Reway e com os auxiliares.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.1%
24.5%
1.4%