11/11/2021 às 23h10min - Atualizada em 11/11/2021 às 23h10min

Marido que matou e enterrou esposa em Torixoréu é condenado a 21 anos em Barra do Garças

O autor do crime disse que matou por amor e ciúmes da companheira. Após ocultar o cadáver, ele ainda simulou que ela tinha se mudado para o Rio de Janeiro onde conheceu outra pessoa

Araguaia Notícia
Soraya e Claudecy eram casados há 25 anos. Ele a matou alegando traição
Aconteceu na quinta-feira (11/11), no fórum de Barra do Garças-MT, o julgamento do trabalhador braçal Claudecyr Nunes, de 50 anos, que matou a esposa Soraya Monteiro, de 43 anos, por estrangulamento e enterrou o corpo numa fazenda da cidade de Torixoréu-MT e ainda tentou simular que a vítima tinha fugido para o Rio de Janeiro onde conheceu outra pessoa.

Ao final do julgamento, os jurados decidiram pela condenação do réu em 21 anos sendo que vinte anos pelo homicídio qualificado por motivos torpe, cruel e feminicídio; além de 1 ano por ocultação de cadáver. Na época, Claudecy alegou que matou por amor e ciúmes e que a esposa lhe havia traído. O julgamento foi presidido pelo juiz da 1ª Vara Criminal de Barra do Garças, Douglas Bernardes Romão.
 
O assassinato causou comoção na cidade de Torixoréu onde Soraya era comerciante tinha uma loja de bijouterias. O assassinato aconteceu no dia 16 de novembro de 2018, todavia só foi descoberto após os filhos desconfiarem do sumiço da mãe. A motivação do crime, segundo o próprio Claudecir disse a reportagem do site Araguaia Notícia, matou a esposa por causa de traição da companheira.

CLIQUE AQUI E PARTICIPE DO GRUPO ARAGUAIA NOTÍCIA PRA RECEBER INFORMAÇÕES EM TEMPO REAL
 
Segundo a polícia informo, a vítima desapareceu no sábado e foi justamente este sumiço que começou a incomodar os familiares. Após tomarem conhecimento do fato, os policiais começaram a indagar o esposo sobre do ocorrido. Ele acabou então confessando o assassinato. 

Soraya foi estrangulada e enterrada numa cova rasa. Após apontar onde estava o corpo, o Claudecyr contou que estava arrependido de ter cometido o crime durante entrevista ao site Araguaia Notícia.
 
Soraya deixa dois filhos. A polícia acredita que o crime deve ter ocorrido no sábado quando a vítima desapareceu. Os policiais encontraram também o telefone que Claudecyr usou para se passar pela esposa mandando mensagens aos filhos dizendo que tinha ido embora para o Rio de Janeiro porque conheceu outra pessoa. 

Relembre a reportagem que o site Araguaia Notícia fez na época quando Claudecyr foi preso.

 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
4.5%
16.9%
77.3%