16/07/2021 às 18h22min - Atualizada em 16/07/2021 às 18h22min

Equipes de basquete da Escola Coopema embarcam para Copa Sul-Americana em São Paulo

Layra Santana – SECOM/BG
ARAGUAIA NOTÍCIA
Na manhã de quinta-feira (15/07), as equipes de basquete masculino da Escola Interativa Coopema, das categorias sub-16 e sub-19, representando o município de Barra do Garças e o estado de Mato Grosso, embarcaram rumo à Copa Sul-americana de Basquete 2021, que será sediada na cidade de Campos do Jordão, São Paulo.

A concentração para o embarque dos atletas aconteceu na Prefeitura Municipal de Barra do Garças, instituição parceira da Escola Coopema e que tem prestado bastante suporte às equipes através da Secretaria de Esportes, coordenada pelo secretário José Carlos Salamoni, e da Secretaria de Educação, coordenada pelo secretário Professor Sivirino, que disponibilizou o ônibus que vai conduzir os jogadores até a cidade onde será realizada a competição.

Os técnicos dos times de basquete masculino da Escola Coopema, se mostraram bastante otimistas para a participação dos jogadores na competição: “é o primeiro campeonato internacional que a gente participa. Estamos muito confiantes de que vamos representar muito bem o nosso município”, conta o técnico Ivan Marcos, treinador da equipe sub-19.

Por ser uma competição realizada no eixo Rio-São Paulo, o que dificulta um pouco o deslocamento devido à distância e aos altos custos que uma viagem dessas proporciona, a Escola Coopema promoveu a VAKINHA VIRTUAL, com o intuito de auxiliar os atletas com as despesas para a realização da viagem.

Seguindo os protocolos de biossegurança para evitar a disseminação do Coronavírus, todos os atletas e demais pessoas que embarcaram junto com as equipes realizaram testes de Covid-19 e, na chegada, serão realizados novos testes, como medida de segurança.

Além do mais, para que a competição pudesse ser realizada com maior segurança devido à pandemia de Covid-19, foi adotado o sistema de bolha, mais conhecido como Bolha da NBA ou NBA Bubble, que é uma zona de isolamento com regras estritas criadas pela National Basketball Association (NBA), no ano de 2020, durante a temporada de 2019-20 de basquete dos times da liga e tem a finalidade de aumentar a proteção dos jogadores das equipes que irão participar da competição. 

Segundo o técnico do time sub-16 da Escola Coopema, Hélio Barbosa, os estudantes inscritos e a comissão técnica não terão acesso a outros lugares além do alojamento, refeitório e local dos jogos, respeitando o sistema adotado.

“Nós temos a expectativa de uma boa participação e de, principalmente, representar o nosso município em uma competição internacional. E tudo isso foi possível com a participação efetiva das secretarias e também do prefeito, Dr. Adilson, que tem feito de tudo para dar suporte às equipes”, comentou o secretário de Esportes, José Carlos Salamoni.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%