30/04/2021 às 11h35min - Atualizada em 30/04/2021 às 11h35min

Árvore plantada pela atriz Beth Goulart é cortada em Barra do Garças e vira polêmica

Secretaria do Meio Ambiente alega que arvores estariam ‘podres’, todavia o corte causou revolta no bairro

Araguaia Notícia
O corte de árvores consideradas ‘antigas’ no bairro Recanto das Acácias desagradou moradores e virou polêmica em Barra do Garças, no leste de Mato Grosso. Uma equipe da ong (organização não-governamental) do Garrincha esteve na quinta-feira (29/4) efetuando o serviço de corte e poda no bairro atendendo pedido da Secretaria de Meio Ambiente do município.

Foram cortadas duas árvores e uma terceira que estava pegando em fios de energia foi podada. Só que a decisão desse corte não agradou a todos na localidade. Uma das árvores cortadas, uma acácia, tinha um valor histórico para o bairro pois foi plantada pela atriz Beth Goulart quando da inauguração do bairro Recanto das Acácias na década de 80 diz a moradora revoltada com o fato e que entrou em contato com a redação do Araguaia Notícia. "Na época eu tinha 10 anos e me lembro da festa que foi. Esse serto tinha muitas acácias e por isso recebeu esse nome Recanto das Acácias. A presença da atriz foi um auge na cidade naquela época", lembra a moradora.

O site Araguaia Notícia entrou em contato com o secretário de Meio Ambiente de Barra do Garças, Clerismar Ferreira, para falar sobre o assunto. Ele explicou que as arvores cortadas estariam condenadas pois estavam 'podres' e ofereciam risco de cair. “Infelizmente estava condenada e trazendo riscos para os munícipes que ali frequentam. No local serão plantadas outras duas”, justificou. Porém, a moradora que discorda do corte, diz que acácia plantada por Beth Goulart fica num triangulo longe de residências.

Perguntamos também ao secretário, se a prefeitura tinha algum laudo técnico afirmando a necessidade de cortar as arvores, ele disse que não e a decisão foi tomada após uma inspeção in loco da própria Secretaria com a participação de dois biólogos. Clerismar mandou uma foto, que está logo abaixo, onde mostra que o tronco da árvore estaria comprometido.

O serviço foi executado pela equipe do Garrincha, pois os bombeiros estavam ocupados em outra missão e não puderam atender a prefeitura. A moradora enfatizou que as árvores são benéficas à população elas proporcionam sombra e melhoram a condição ambiental das pessoas.

“Se continuarem derrubando arvores só porque um morador pede, mas sem ouvir a comunidade, logo a nossa cidade estará sem sombras”, finalizou a moradora, que pediu para não ser identificada temendo ser hostilizada pois foi contrária a derrubada de árvores no Recanto das Acácias. 








 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

72.2%
26.1%
1.7%