09/05/2019 às 23h29min - Atualizada em 09/05/2019 às 23h29min

Acontece na UFMT de Barra do Garças exposição de fotos do cotidiano dos índios

Museu de História Natural do Araguaia (MuHNA) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), campus do Araguaia

ARAGUAIA NOTÍCIA
G1 MT
Foto: Divino Tserewahú / Xavante Sangradouro


Um grupo de índios Xavante realizou uma sequência de fotos mostrando o dia a dia deles em aldeias de Mato Grosso. A exposição 'Modos de Ver' está aberta ao público no Museu de História Natural do Araguaia (MuHNA) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), campus do Araguaia, em Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá.

As fotos foram expostas no local nessa quarta-feira (8) e permanecem até o dia 17 deste mês.

A exposição está aberta ao público nas terças, quintas e sextas-feiras.

Segundo a UFMT, as fotos fazem parte das atividades promovidas pela 1° Semana de Ciência e Tecnologia do Araguaia, com o tema 'Ciência para redução das desigualdades'.

O evento tem por objetivo mostrar a cultura indígena com o olhar do próprio índio, da forma que eles enxergam a realidade, sem a intervenção de outras pessoas.

A diretora do museu, Márcia Pascotto, ressaltou que o museu retrata a história e a cultura do Araguaia e, por isso, é importante mostrar a cultura dos primeiros habitantes da região.

Além da exposição, a partir de segunda-feira (13), alunos de escolas do ensino fundamental e médio também poderão participar de rodas de debates sobre o tema com convidados especialistas no assunto.

Quando: Terça-feira, quinta-feira e sexta-feira de 8 a 17 de maio
Onde: Museu de História Natural do Araguaia (MuHNA)
Endereço: Avenida Valdon Varjão, nº 6.390 - Barra do Garças
Ingressos: Gratuito

Cotidiano dos xavantes mostrado por um indígena — Foto: Divino Tserewahú/ Xavante Sangradouro

Cotidiano dos xavantes mostrado por um indígena — Foto: Divino Tserewahú/ Xavante Sangradouro



Exposição pode ser conferida gratuitamente — Foto: Viviane Sales/Arquivo pessoal

Exposição pode ser conferida gratuitamente — Foto: Viviane Sales/Arquivo pessoal

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.1%
24.5%
1.4%