23/03/2017 às 17h10min - Atualizada em 23/03/2017 às 17h10min

Rally dos Sertões movimentará R$ 50 milhões e passará por Barra do Garças

Campo Grande News
Divulgação
A cidade de  Barra do Garças será uma das sedes do Rally dos Sertões 2017, um dos rallys mais famosos do Brasil, que será realizado de 19 a 26 de agosto. A largada será em Goiânia passando por sete cidades até a chegada em Bonito, no Mato Grosso do Sul. A expectativa é que o evento vai gerar cerca de R$ 50 milhões de renda para a economia dos municípios envolvidos no roteiro do evento.

A estimativa é do diretor comercial da empresa Dunas Race, organizadora do Rally dos Sertões, Roque Mendes. Segundo ele, o Rally é uma competição que contribui para a economia dos municípios por onde passa e ainda realiza ações ambientais e sociais, com atendimentos médicos e oftalmológicos ao longo da trilha.São mais de duas mil pessoas envolvidas diretamente, entre pilotos, navegadores, equipes de apoio, membros da organização e jornalistas.

Desde a largada em Goiânia até Bonito o percurso será de 2.793 quilômetros. O roteiro de paradas envolve três cidades de Goiás, três de Mato Grosso do Sul e uma de Mato Grosso. Desde a largada em Goiânia (GO), passará por Goianésia (GO), Santa Terezinha de Goiás (GO), Aruanã (GO), Barra do Garças (MT), Coxim (MS), Aquidauana (MS) e a chegada em Bonito (MS).

Para a escolha de Bonito, no Mato Grosso do Sul, como reta de chegada do Rally, Roque Mendes disse que dois fatores foram levados em conta pelos organizadores: o ineditismo e a parte técnica.

“Desta vez escolhemos lugares com geografia diferenciada. O Rally dos Sertões já foi para as regiões Sul, Sudeste, e Bonito foi escolhida pelo ineditismo, e porque o Rally nunca passou pelo Pantanal”, comentou.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%