Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
02/12/2015 às 00h05min - Atualizada em 02/12/2015 às 00h05min

Roberto Farias participa de audiência com ministro da Saúde e cobra mais recursos para Barra

Ronaldo Couto
Ascom / Welinton Fagundes

O prefeito de Barra do Garças Roberto Farias participou na tarde de terça-feira (01/12) de uma audiência com o ministro da Saúde Marcelo Castro em Brasília onde ponderou que a cidade de Barra do Garças está sendo prejudicada com teto reduzido de recursos que o Governo Federal passa para a cidade.

A audiência foi marcada pelo senador Welinton Fagundes que convidou a bancada federal para acompanhar o encontro com o ministro. O prefeito Roberto Farias apresentou uma planilha com os custos da saúde em Barra do Garças e ressaltou que a cidade atende mais de 30 municípios tanto de Mato Grosso como também de Goiás.

Wellington também chamou a atenção do ministro para a situação de Barra do Garças, onde o prefeito Roberto Farias mostrou os números do atendimento, que comprovam a capacidade do município de ter o aporte governamental ampliado e inclusive de receber novos cursos de medicina.

“Nós estamos brigando para melhorar o teto da Saúde em Barra do Garças, pólo regional no atendimento à população. Além disso, voltamos a cobrar do Governo o tão sonhado curso de medicina, que já é, há muito tempo, um anseio do município e altamente necessário para a formação dos jovens e a melhoria de vida de todo o Araguaia”, elucidou o senador.

Em função do teto reduzido, a prefeitura de Barra do Garças vem comprometendo 36% do seu orçamento somente com a saúde.

“Estou em Brasília conversei com o ministro da Saúde juntamente com o senador Welinton, deputados federais Fábio Garcia, Adilton Sachetti e Valtenir Pereira e deputado estadual Nininho e cobramos os repasses para Barra. Há anos que não aumenta, o MAC para alta e média complexidade de Barra”, explica o prefeito.

“Temos um hospital para atender vários municípios do Araguaia e Goiás, porém Barra do Garças está arcando com a maior parte desta despesa. Temos a receber do Governo de Mato Grosso e da União mais de 10 milhões de repasses não efetuados a Barra”, ressaltou Roberto Farias.

O chefe do executivo barra-garcense aproveitou a audiência para novamente cobrar a implantação do curso de medicina em Barra do Garças. “Nossa cidade preenche todos os requisitos do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação e estamos empenhados para que o cursos seja logo implantado”, frisou Beto.

A audiência com o ministro contou com a participação ainda do prefeito de Primavera do Leste Érico Piana e do deputado estadual Nininho que esteve junto apoiando as reivindicações dos municípios. Com informações da Assessoria do Senador Welinton Fagundes.
 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90