22/10/2015 às 19h08min - Atualizada em 22/10/2015 às 19h08min

PF desbarata rede de pedofilia com prisão de 11 pessoas em MT

Olhar Direto
Polícia Federal - Mato Grosso

Onze mandados de busca e apreensão são cumpridos na manhã de hoje, 22, durante operação Anjos na rede II, desencadeada pela Polícia Federal. A ação tem como objetivo de dar sequência ao combate à publicação de material pornográfico envolvendo crianças e adolescentes, em sites e redes sociais na internet. As ordens judiciais são cumpridas nas cidades de Rondonópolis, Primavera do Leste e Alto Araguaia.

Segundo assessoria da PF, a investigação teve início em setembro de 2015, a partir de informações encaminhadas pelo Grupo de Combate aos Crimes de Ódio e Pornografia Infantil na Internet da PF.

Foram constatados acessos, publicações e compartilhamento de fotografias e vídeos com cenas de pornografia infantil na internet, que vinham de terminais de usuários com endereços em Mato Grosso.

A Operação Anjos na Rede I foi deflagrada em 2014. Foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão nas cidades de Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis e Tangará da Serra.

Em análise dos relatórios, que contém a materialidade delitiva de pornografia infanto-juvenil, averiguaram-se robustos indícios da prática dos crimes previstos na Lei nº 8.069/90 (Estatuto da Criança e do Adolescente), artigos 241-A (publicar ou divulgar por qualquer meio, inclusive por meio de sistema de informática ou telemático, fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente) e 241-B (adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente). A pena para esses crimes pode chegar até seis anos de reclusão e multa.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
4.8%
16.7%
77.2%