01/05/2011 às 17h34min - Atualizada em 01/05/2011 às 17h34min

Vereadora dá título para o próprio esposo

Oposição critica atitude porque ridiculariza o legislativo

Olhar Direto
Reprodução Vereadora decide homenagear o esposo fato que revolta a oposição

A bancada de oposição da Câmara Municipal de Barra do Garças reuniu-se nesta sexta-feira (29) para protestar contra a falta de critérios da concessão de títulos de cidadão barra-garcense pelo legislativo. A revolta se deve ao fato da vereadora Antônia Jacob (PR) conceder um título de cidadão barra-garcense para o próprio esposo, Moisés Alves do Nascimento, chefe do escritório municipal da Empaer.

A oposição entende até como justa essa homenagem, porém acredita que a vereadora criou um constrangimento para ela e para o legislativo. "Ela poderia pedir para outro vereador apresentar a matéria. O plenário estava cheio de moto-taxistas que começaram a rir e pedir um título também", reclama o vereador Miguelão Moreira (PTB). Ele foi um dos que se absteve a votar na matéria junto com o colega Odorico Kiko (PT).

A matéria acabou aprovada por 4 votos. Votaram a favor da homenagem, a própria vereadora Jacob e os vereadores Paulo Sérgio (PP), Celson Souza (PV) e João Jajá (PR).

As vereadora Andréia Santos (PR), Miriam Lacerda (PTB) e Sávio Carvalho (PDT) não estavam presentes no plenário na hora da votação. Após esse incidente, a oposição vai encaminhar uma proposta para a mesa diretora proibir que vereadores façam leis em beneficio próprio, até mesmo homenagens.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.9%
17.6%
76.5%