28/04/2011 às 20h20min - Atualizada em 28/04/2011 às 20h20min

Hidrovia do Araguaia está sendo projetada com seis portos

Olhar Direto
Reprodução O sonho da hidrovia já dura mais de 20 anos, mas nunca saiu do papel

O relator da Medida Provisória (MP) 513/10, deputado federal Wellington Fagundes (PR), incluiu no texto – que trata do Plano Nacional de Viação (PNV) - seis portos para o rio Araguaia, com a intenção de aproveitar o potencial da hidrovia Araguaia-Tocantins. A MP foi aprovada terça-feira (26), em plenário, e encaminhada para votação no Senado Federal.

Olhar Direto apurou que os portos previstos são nas cidades de Barra do Garças, Araguaiana, Cocalinho, Luciara, São Félix do Araguaia e Santa Terezinha. Um Projeto de Lei, de Fagundes, que tinha o mesmo objetivo, foi aprovado pela Câmara, em 2009, mas aguarda votação do Senado.

Nas rodovias, o relator estendeu o trajeto da BR-080 por mais dez cidades de Mato Grosso, até Cotriguaçu. Atualmente, essa rodovia federal termina na fronteira de Goiás com Mato Grosso, partindo de Brasília. A intenção do deputado é interligar a rodovia federal com as estaduais MT 419 e 208, na divisa de Mato Grosso com Rondônia.

No Nortão do Estado, a BR-080 é a mesma MT-322, que liga Matupá ao Araguaia e já tem parte em pavimentação, custeada pelo governo do Estado, partindo de Matupá. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) também contratou, por R$ 9.4 milhões, empresa para elaborar projeto de implantação e pavimentação da BR-080, entre a BR-158, em Ribeirão Cascalheira, e a divisa com o Estado de Goiás.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.9%
17.6%
76.5%