09/02/2012 às 18h17min - Atualizada em 09/02/2012 às 18h17min

Sem-terra derrubam barracão e fazem reféns na divisa

Olhar Direto
Reprodução/Ilustração

Duas pessoas foram mantidas reféns por algumas horas e um barracão de zinco foi derrubado durante uma ação de integrantes do movimento de Trabalhadores Sem-Terra (MST) no município de Aragarças-GO na divisa com Mato Grosso, na tarde de terça-feira (7).

A confusão começou porque integrantes do acampamento Pequena Vanessa entraram em atrito com a proprietária da Fazenda Irapuã, Joana Pereira Gomes, por causa da área que está sendo vistoriada pelo Incra.

A proprietária chamou a polícia alegando que o barracão foi derrubado pelos sem-terra e que ela, juntamente com Edvaldo Lima de Souza, chegaram a ser mantidos como reféns por um grupo de sem-terra.

Os líderes do movimento negam qualquer violência. Eles comentaram com os policiais que a área em questão está sendo desapropriada em favor do assentamento Pequena Vanessa onde estão 80 famílias.

A Polícia Civil e a Polícia Militar estão na fazenda para evitar novos conflitos. A superintendência do Incra em Goiânia foi avisada sobre o incidente. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%