08/02/2012 às 14h30min - Atualizada em 08/02/2012 às 14h30min

Latrocida é preso ao sacar seguro desemprego em Mato Grosso

Olhar Direto
Ronaldo Couto

O acusado de latrocínio Fernando Souza Silva, 28 anos, que matou seu colega de serviço numa mineradora de Mato Grosso, foi preso na manhã desta terça-feira (7), em Barra do Garças, tentando sacar o seguro desemprego.

O crime foi cometido dia 15 de dezembro de 2011 nas imediações da mineradora Caraíba, em Nova Xavantina. Consta que Fernando dominou o companheiro de serviço, Osvaldo Rosa Milhomem de 42 anos, e atirou três vezes contra a cabeça dele.

Em depoimento ao delegado municipal de Barra do Garças, Adilson Gonçalves, o acusado confessou o crime. Na sua primeira versão, Fernando disse que matara para se vingar da vítima, que teria praticado um estupro, todavia ele não revelou quem era a vítima deste crime.

Na segunda versão, Fernando admitiu que matou o segurança da mineradora para roubar o revólver dele, que depois negociou com outra pessoa em Barra do Garças. No dia do crime, Fernando disse que surpreendeu Osvaldo usando uma faca e tomou o revolver do segurança. Na seqüência, ele mandou o segurança andar com ele até o sopé de um morro nas imediações da mineradora onde efetuou três tiros na cabeça de Osvaldo.

Fernando ficou escondido por algum tempo em Nova Xavantina e depois veio para Barra do Garças onde estava tentando receber o seguro desemprego quando foi localizado e preso pela Polícia Civil.

O delegado informou que o revólver utilizado no crime foi recuperado e o acusado será recambiado para Nova Xavantina. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.2%
23.5%
1.3%