Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
16/01/2012 às 10h23min - Atualizada em 16/01/2012 às 10h23min

Pai que matou os três filhos era considerado uma pessoa tranqüila

Olhar Direto
Diário da Manha

O pai que matou os três filhos e depois se matou era considerado uma pessoa tranqüila, segundo alguns familiares informaram a polícia de Iporá. Porém por causa da separação recente da mulher, o lavrador Wanderlei Rodrigues da Silva, 34 anos, protagonizou um dos crimes mais terriveis dos últimos anos da região denominada como Mato Grosso Goiano.

Na quinta-feira (12), ele matou a tiros, na cabeça, os três filhos Mirian Cíntia Rodrigues da Silva, 10 anos, Alex Rodrigues da Silva, 11 anos e Vanderlei Rodrigues da Silva, 12 anos, e depois se matou, em Diorama-GO, a 140 km de Barra do Garças.

As crianças foram sepultadas num clima de comoção, sexta-feira (13), em Caiapônia-GO onde mora a família. A mãe Carmeci da Silva estava em estado de choque e disse que nunca imaginava um desfecho como este mesmo com as ameaças do ex-esposo que não aceitava a sua saída de casa.

As crianças foram encontradas mortas dentro do carro do lavrador sendo duas abraçadas e um dos meninos com a mão na porta tentando sair.

Wanderlei trabalhava na fazenda Mata Velha, de propriedade de Alessandro Morais de Oliveira. O patrão disse que Wanderlei era seu funcionário há sete anos, período este em que ele demonstrou ser uma pessoa tranqüila, que não tinha hábito de ingerir bebida alcoólica e que nunca lhe causou problemas.

A tia das crianças disse que o lavrador esteve na casa dela antes do crime. Ele levou as crianças para pedirem a bênção, mas também não imaginava o que iria acontecer. 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90