23/12/2014 às 11h48min - Atualizada em 23/12/2014 às 11h48min

Menor de 15 anos que matou um e baleou outro em pesque-pague depõe em Aragarças e aguarda decisão sobre internação

Ronaldo Couto
Araguaia Noticia Assassino x vítima

Esse menor que esconde o rosto – sem necessidade porque a legislação o protege e proíbe a divulgação de imagem dele na imprensa – é réu confesso do assassinato de Jeferson Nunes da Silva, 22 anos, morto com quatro tiros em um pesque-pague na cidade de Aragarças-GO.

Durante os disparos, o menor ainda atingiu outro garoto no braço de nome Vitor. O crime revoltou a região do Araguaia porque aconteceu numa festa que deveria ser um lugar de alegria, na madrugada de domingo(21).

O menor foi apresentado, na manhã de terça-feira (23), pelo advogado ao delegado Ricardo Galvão para depoimento. A primeira informação é que o crime aconteceu por causa de um esbarrão.

E por causa desse fato o menor pegou um revolver e deu quatro tiros no Jefinho como era conhecido sendo dois a queima-roupa na cabeça após a vítima já está alvejada pelas costas e no chão agonizando.
“Já pedimos a internação dele, mas a decisão compete ao Judiciário”, explicou o delegado.

Infelizmente o menor em questão pode ir para casa após o depoimento se o juiz Bruno Leopoldo de Aragarças não acolher o pedido de internação do infrator. O delegado prometeu também responsabilizar os organizadores do evento pela insegurança da festa conhecida como 'proibidão'.

Mais um absurdo da lei. Mais detalhes daqui a pouco na Tv Serra Azul e no Araguaia Notícia.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.8%
17.6%
76.5%