12/12/2014 às 14h17min - Atualizada em 12/12/2014 às 14h17min

Sintep afirma que prefeitura não cumpriu a Lei e não deu aumento de 3% ao apoio

Agencia da Noticia
Reprodução/Ilustração

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Educação Pública de Confresa (Sintep), professora Lucimeire Lazara disse ao Agência da Notícia que a prefeitura municipal em acordo com os servidores da educação tinham acordado um aumento em novembro de 3%, porém somente os professores receberam o aumento.

A lei municipal 585/14 aprovada na Câmara Municipal pelos vereadores, prevê o aumento para a os servidores da educação, porém segundo o Sintep os profissionais de apoio, como zeladores, merendeiras, secretárias e outros não foram beneficiados.

Uma passeata já foi promovida pelo sindicato, porém segundo Lucimeire, nenhuma reposta pelo poder público e nem pelo prefeito, Gaspar Lazzari foi dada aos profissionais da educação.

A lei prevê ainda um aumento de 7% em fevereiro de 2015 para os profissionais da educação, e o Sintep espera que a administração cumpra o acordo previamente feito com os profissionais.

Lucimeire disse que mesmo com o aumento o piso salarial da categoria ainda não foi alcançado, e que possivelmente em 2015 novas reivindicações devem ser feitas, o piso salarial da educação básica em 2014 é de R$ 1697,00 e deverá ter um aumento de 13,01% para o próximo ano.

Em relação à reposição das aulas perdidas pelos alunos devido à greve, ela afirmou que os professores só vão repor se a prefeitura pagar os dias de aulas que precisam de reposição.

Tentamos contato com a secretaria de educação, porém a secretária está de viagem. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.6%
17.3%
77.0%