08/12/2014 às 07h30min - Atualizada em 08/12/2014 às 07h30min

Menino de 12 anos é impedido de cometer suicídio em Aragarças. Sem remédio, a criança teve um surto.

Ronaldo Couto
Araguaia Notícia

Os policiais militares (PMs) de Aragarças evitaram, na tarde de domingo (7), que um menino de 12 anos cometesse suicídio. A criança estava transtornada com uma faca junto ao pescoço falando em se matar porque o pai teria cortado o pneu da bicicleta para ele não fugir.

Os policiais tiveram que usar de diálogo e um deles (PM Edson) tirou o cinto com arma para 'ganhar' a confiança da criança que ao final se ajoelhou no chão e entregou a faca ao policial terminando o drama. 

Familiares explicaram que o menino toma medicamento controlado, porém está sem tomá-lo há três meses porque a prefeitura de Aragarças não está fornecendo. Até mesmo uma ação na Justiça foi impetrada pela promotora Vânia Marçal para conseguir o medicamento, mas infelizmente não está sendo cumprida.

Sem o medicamento, principalmente o Ritalina, a criança fica agressiva e nesse domingo ela ficou chateada com a atitude do pai de cortar o pneu da bicicleta e se apossou de uma faca falando em se matar. 

O menino foi encaminhado pela PM ao Conselho Tutelar, que por sua vez, acionou os familiares para cuidar dele.

A emoção dos policiais foi muito grande em salvar o menino dessa situação. Esse caso deve retornar a Promotoria principalmente porque a família não tem condições de dar os medicamentos ao menino e um acompanhamento psicológico para ele se recuperar desse trauma. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.1%
4.5%
17.2%
77.2%