Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
21/06/2024 às 08h42min - Atualizada em 21/06/2024 às 08h42min

MP denuncia donas de creche em MT onde bebê morreu por traumatismo craniano

O laudo da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) apontou que Vicente morreu por traumatismo craniano.

G1 MT
Araguaia Noticia
Foto cedida pela família do bebê que morreu em berçário de Várzea Grande — Foto: Reprodução
O Ministério Público de Mato Grosso (MPMT) denunciou as donas de uma creche particular em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, nesta quinta-feira (20), pela morte do bebê Vicente Camargo, de 5 meses, que ocorreu em abril deste ano. De acordo com o laudo da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Vicente morreu por traumatismo craniano.

Houve a tentativa de entrar em contato com a defesa das denunciadas, que não quiseram se manifestar sobre o caso.

No documento, o MP pede que seja pago uma indenização de R$ 50 mil à mãe da criança, além de R$ 3 mil por danos extrapatrimoniais causados à sociedade.

Conforme apontado pelo promotor de Justiça, Daniel Balan Zappia, o local funcionava de forma clandestina, pois não tinha autorização de credenciamento e funcionamento do Conselho Municipal de Educação e dos demais órgãos competentes. Segundo ele, as denunciadas atendiam cerca de 30 crianças distribuídas em três turmas diferentes.

Entenda o caso

Vicente Camargo morreu no dia 17 de abril deste ano, em um berçário no Bairro Marajoara, em Várzea Grande. Segundo a família, a mãe do bebê, Karine Camargo, teria mandado mensagem por volta das 14h perguntando do filho, mas não obteve resposta.

Segundo uma prima, o bebê teria chegado no hospital já sem vida. Ainda de acordo com ela, esse era o quarto dia que a criança tinha voltado ao berçário.

A princípio, a mãe do bebê disse que funcionários da creche cogitaram que Vicente teria morrido por asfixia, que ele teria se engasgado com leite. No entanto, de acordo com a polícia, a perícia descartou essa hipótese.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90