Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
26/05/2024 às 11h19min - Atualizada em 26/05/2024 às 11h19min

Garoto de 14 anos se 'aproveita' de menina de 4 anos em MT: 'dizendo que amava tirou a roupa da vítima'

Gazeta Digital
Araguaia Notícia
Um adolescente de 15 e seus pais foram encaminhados para a Delegacia da Mulher, na noite de sexta-feira (24) após o menor ser acusado de estuprar uma menina de 4 anos, no condomínio em que moram, no Areão, em Cuiabá. A criança contou à mãe que o suspeito a beijou na boca, disse que “eles se amavam” e baixou sua roupa para “ver a cor da calcinha”. Ele admitiu o abuso.

Conforme o boletim de ocorrências, a mãe chamou a polícia após a menina contar o que tinha acontecido com ela na área de lazer do condomínio. A mãe relatou aos agentes que buscou a menina e a encontrou em local afastado, próximo ao banheiro, com o menino. O menor vestia bermuda de tecido fino e ela percebeu que ele estava com o pênis ereto. Rapidamente, retirou a filha dali e foram para casa.

No quarto, a mãe perguntou para menina se o garoto havia feito algo com ela e a resposta foi positiva. “Ele tinha beijado a boca dela e falou que se eles se amavam. Que ele tinha tirado a roupa dela para ver a cor da calcinha, e tinha passado a mão na parte íntima dela, e ele tinha pedido para ela passar a mão na parte íntima dele também”, diz o documento policial.

A mulher foi atrás do pai do menino para confrontar o que tinha acabado de saber e o homem disse que levaria o menor para a casa da mãe. A denunciante relatou que ficou petrificada diante da situação, mas pouco tempo depois decidiu registrar a queixa formalmente.

Os militares foram até a casa do menor e o interrogou sobre o ocorrido, momento em que ele admitiu. Os pais e o garoto foram levados para o plantão de violência doméstica e sexual contra a mulher para as providências necessárias.

A mãe destacou que o menor é filho de um parente distante. A denúncia de estupro segue sob apuração da Polícia Civil. Vale ressaltar que qualquer desconfiança de abuso com crianças deve ser reportada à polícia para investigação.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90