Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
15/05/2024 às 10h55min - Atualizada em 15/05/2024 às 10h55min

Pré-candidato a prefeito de General Carneiro sofre busca da Polícia Civil na Operação Lá Catedral

Folhamax
Araguaia Notícia
A Operação La Catedral, deflagrada Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Primavera do Leste na manhã de terça-feira (7/5), teve 19 alvos no total. Entre eles, conforme decisão, está o ex-vereador e pré-candidato a prefeito nas eleições deste ano,
Magnun Vinnicios Rodrigues Alves de Araújo. 

A ação cumpriu 132 ordens judiciais, entre prisões preventivas, buscas e apreensões, bloqueios de contas bancárias, além de sequestro de bens móveis e imóveis dos investigados. A investigação apura os crimes de corrupção passiva, corrupção ativa, lavagem de capitais e facilitação de saída de pessoa presa para atividades ilegais.

Os mandados são cumpridos em cidades de quatro estados: Primavera do Leste, Paranatinga e Dom Aquino (MT); Uberlândia (MG); Rio Verde (GO) e Santana do Araguaia (PA). A apuração, de quase um ano, reuniu diversas informações produzidas a partir de relatórios financeiros e investigativos, identificou atividades ilegais envolvendo pessoas presas e o diretor da cadeia pública de Primavera do Leste.

A Polícia Civil apurou a existência de uma associação criminosa que se formou para comprar facilidades e movimentar dinheiro obtido ilegalmente e promover a lavagem de capitais por meio de empresas de construções e, ainda, ofertar vantagens ilícitas a servidores públicos. Para legitimar os valores recebidos, os investigados utilizaram terceiros e também de pessoas jurídicas para movimentar os valores ilícitos.

A decisão que autorizou a operação também determinou o sequestro de 65 veículos, como caminhonetes Volkswagen Amarok, Chevrolet S10, Ford Ranger, Toyota Hilux, Ford F350 e Dodge Ram Laramie, além de carros, caminhões, reboques e dollies. Foi determinado ainda o sequestro de três imóveis. 

Um dos investigados foi o ex-vereador e ex-presidente da Câmara de General Carneiro, Magnun. Ele, que foi preso e agredido em dezembro de 2022 acusado por furto de gado, cumpre pena no regime semiaberto e utiliza tornozeleira eletrônica, e nos últimos dias chegou a anunciar sua pré-candidatura a prefeito da cidade.

Os investigados estão proibidos de se ausentarem da cidade, sem autorização judicial, além de não poderem também se aproximar da Cadeia de Primavera do Leste e do Projeto Segunda Chance, e também não podem manter contato com os envolvidos na investigação.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90