Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
16/04/2024 às 22h32min - Atualizada em 16/04/2024 às 22h32min

Mauro Mendes lamenta assassinato de 3 motoristas de aplicativo e volta cobrar leis severas no Brasil VEJA VÍDEO

Folhamax
Araguaia Notícia
O governador Mauro Mendes (União) publicou um vídeo em sua rede social ao lado do secretário estadual segurança, César Augusto Roveri, se solidarizando aos familiares dos três motoristas de aplicativo roubados e assassinados, por dois adolescentes de 15 e 17 anos e um comparsa de 20 anos. Na postagem, Mendes elogiou o trabalho da Polícia Civil pela resposta rápida que resultou na prisão e apreensão dos criminosos e voltou criticou a legislação "frouxa" do Brasil. Os corpos das vítimas, mortas a facadas e pauladas foram encontrados na noite desta segunda-feira (15) e na manhã desta terça-feira (16), em regiões de matagal, em Várzea Grande. 

“Três pais de família, motoristas de aplicativo, foram assassinados por dois adolescentes e um maior de idade. Quero em um primeiro momento me solidarizar com as famílias e lamentar profundamente essas perdas irreparáveis”, lamentou o governador.

As vítimas Márcio Rogério Carneiro, de 34 anos, Elizeu Rosa Coelho, de 50 anos, e Nilson Nogueira, de 42 anos, todos três motoristas de aplicativo, foram mortos de forma brutal, a pauladas e facadas, após aceitarem corridas realizadas utilizando um aplicativo com perfil de uma mulher. São investigados pelo crime Lucas Ferreira da Silva, de 20 anos, preso nesta terça-feira (16), e os dois comparsas menores de idade, que também participaram dos latrocínios. O trio utilizava o perfil de uma jovem no aplicativo de transporte para evitar que as corridas fossem recusadas, por se tratar de bairros afastados os locais onde solicitavam as corridas. A estratédia era roubar e matar os motoristas. 

Os corpos foram encontrados após ação da equipe da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil, que identificou os atuores e efetuou a prisão e apreensões. O governador também parabenizou a rápida ação da PJC em investigar e deter os criminosos. “Quero também parabenizar a nossa Polícia Civil que em menos de uma semana investigaram, identificaram e prenderam esses três marginais”.

Somado a isso, Mauro Mendes, mais uma vez, destacou a importância de uma revião nas leis para conter a criminalidade no Estado e no Brasil. Ele pediu o auxílio de senadores e deputados para o endurecimento das legislações, para que possam ficar “à altura” dos delitos que têm sido praticados.

“Dois menores de idade, eu vou falar e vou continuar dizendo, a lei brasileira é frouxa. Uma lei que não está sendo capaz de colocar limite nos crimes e nos criminosos do nosso país. Mataram três pais de família e vão ficar no máximo três anos na cadeia”, reclamaou o chefe do Palácio Paiaguás. 

Por fim, o governador finalizou a gravação fazendo um apelo aos parlamentares que atuam no Congresso. “Peço sempre a atenção dos nossos senadores e deputados, para que altere a legislação e coloque ela a altura do tamanho dos desafios que estão sendo apresentados para todos nós”, pediu o governador.


 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90