Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
08/03/2024 às 11h25min - Atualizada em 08/03/2024 às 11h25min

Polícia Militar prende 11 suspeitos por sequestro e tortura e liberta refém em Nova Mutum

Vítima foi sequestrada por membros de uma facção criminosa por conta de dívida de drogas

PM - MT
Araguaia Notícia
Policiais militares de Nova Mutum prenderam 11 pessoas por formação de quadrilha, sequestro, extorsão e tortura, na tarde desta quinta-feira (07.03), no município. O grupo criminoso foi detido em flagrante após sequestrar um homem por suposto envolvimento em dívidas com entorpecentes. 

Conforme o boletim de ocorrência, a irmã da vítima do sequestro foi até a sede do 26º Batalhão de PM de Nova Mutum para denunciar que o seu irmão estava sendo mantido como refém por uma facção criminosa. 

A denunciante mostrou aos policiais duas fotografias que havia recebido dos criminosos, onde seu irmão estava com uma arma apontada na cabeça. Ainda segundo a denúncia, a vítima estava em uma suposta pousada da quadrilha e teria sido levada pelos criminosos por estar devendo uma quantia em dinheiro relativo a compra de entorpecentes.

Diante das denúncias, as equipes do 26º BPM e da Força Tática do 14º CR se deslocaram até a região informada e identificaram uma suposta pousada com sinais de abandono. Ao se aproximarem do local, foi visto dois suspeitos, que fugiram em direção a residência, ao visualizarem as viaturas policiais.

Os militares iniciaram acompanhamento e percorreram todo o imóvel, até chegarem ao último quarto, que estava trancado. Ao notarem movimentação suspeita, os PMs arrombaram a porta e encontraram todos os 11 suspeitos reunidos, bem como a vítima do sequestro com o corpo amarrado próximo de uma banheira de hidromassagem.

Todos os criminosos foram detidos, sendo possível identificar entre eles três menores de idade e duas mulheres. No local, os policiais encontraram uma arma de fogo, porções de maconha e cocaína, a quantia de R$ 1,6 mil em dinheiro e objetos receptados como relógios, um televisor e uma caixa de som.

A vítima, de 33 anos, foi libertada e a quadrilha foi encaminhada para a Delegacia de Nova Mutum para registro do boletim de ocorrência e as demais providências que o caso requer.

Disque-denúncia   

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90