11/11/2014 às 15h35min - Atualizada em 11/11/2014 às 15h35min

PM de Barra prende quadrilha suspeita de vários assaltos inclusive de roubar a casa de uma promotora

5º CR / PM-MT
PM-BG

No final da tarde de segunda-feira (10/11/2014) os suspeitos Murilo José Borges Faria (24), Yago Bastos Silva (19), Jailson Soares Anicesio (23) e “Túlio”, integrantes de uma quadrilha de assaltantes suspeita da autoria de diversos roubos e furtos as residências de alguns empresários da cidade, a casa de uma promotora de justiça e roubos ocorridos também na região de Nova Xavantina, planejavam executar mais um roubo na cidade de Barra do Garças ao monitorarem a vítima Valdirene durante toda a tarde, pois sabiam que ela vendia joias e levava uma quantia em dinheiro consigo.

Os suspeitos esperaram que ela, de motocicleta, chegasse a residência de sua filha no bairro Cristino Cortes em Barra do Garças e, no momento em que o portão era aberto, realizaram a abordagem violenta a ela e a sua filha que gritou por socorro, sendo atendida por seu marido, um policial militar de Goiás que saiu com a sua arma em punho e alvejou dois dos suspeitos que já atiravam contra sua sogra e sua esposa. A polícia militar do 2º BPM foi acionada e três guarnições se deslocaram para a ocorrência, sendo que duas delas localizaram os suspeitos Murilo e Yago feridos pelos tiros.

A terceira guarnição PM foi informada que dois outros haviam fugido, sendo um a pé e outro em uma motocicleta Honda Fan preta, se encarregou se localizá-los e resolveram utilizar o sistema de localização de um dos celulares roubados da vítima que os levou até um endereço de uma residência no bairro Vila Maria onde localizaram o suspeito Jailson. Lá foram localizados também os dois celulares roubados e a bolsa da vítima contendo seus documentos pessoais e duas folhas de cheque, além de vários produtos de furto e roubos praticados pela cidade, entorpecentes, a motocicleta Honda Fan preta e um veículo Gol branco roubado utilizado em um furto a uma residência no período da Copa para carregar objetos furtados, incluindo uma TV de 70 polegadas avaliada em R$ 70.000,00. Os suspeitos Murilo e Yago permaneceram sob custódia policial no Pronto Socorro Municipal e com eles foi encontrado um total de R$ 3.127,25 em dinheiro.

O suspeito Jailson foi entregue juntamente na Del. Pol. com os seguintes objetos apreendidos e recuperados: uma bolsa feminina, uma carteira com documentos pessoais, dois cartões de banco, dois celulares, dois cheques que totalizaram R$ 919,00, R$ 3.127,25 em dinheiro, um kit para limpeza de arma de fogo calibre 38, cinco estojos de cal. 38 deflagrados, três celulares, um relógio de pulso, dez pulseiras, vinte relógios de diversas marcas e modelos, um kit de relógio, três óculos de sol, dois pen drives, seis colares, treze anéis, uma presilha, cinquenta e três brincos, sete bijuterias, uma mini lanterna, três secadores de cabelo, uma chapinha para cabelo, uma máquina de lixar pés, dois babyliss, quatro carregadores de note book, um controle de vídeo game, dois cabos USB, uma chave de fenda, sete câmeras digitais, três celulares, um tablet, um fone de ouvido, uma bateria de celular, notas de moedas internacionais (França, Uruguai, Honduras), três pares de chinelo, um boné preto, cinco capacetes, três porções de maconha, duas porções de cocaína, duas porções de pasta base, uma ferramenta para abrir blindex, um veículo Gol branco roubado com placa de Nova Xavantina/MT, dois note books, um mini teclado, um televisor com controle remoto, um micro-ondas, uma motocicleta Honda Fan preta. O suspeito Túlio encontra-se foragido e é procurado pela polícia da região.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.9%
4.5%
19.6%
74.0%