03/11/2014 às 16h24min - Atualizada em 03/11/2014 às 16h24min

Prefeitura recebe visita de representantes de artesanato de Mato Grosso e Governo Federal

Leory William

No dia (31/10) estiveram em reunião no gabinete do prefeito a coordenadora de artesanatos de Mato Grosso Elvira Leite, a coordenadora de turismo Monica Porto e a assessora do programa nacional de artesanato Cicera Rolim. A parceria entre governos Estadual, federal e municipal resultou na 1ª feira Regional de Artesanatos do Araguaia que juntamente com o Araguaia Fashion, evento de saúde, moda e beleza estão acontecendo desde quarta-feira passada na arena do porto do Baé.

Monica Porto disse que “a parceria reuniu 4 polos do artesanato estadual; Amazônia, Cerrado, Araguaia e Pantanal que estão expondo seus produtos na feira”. Já Elvira Leite ressaltou a importância que a parceria traz para os artesãos – “a feira de artesanatos reforça a união que está ocorrendo entre os artesãos de diversas regiões do estado, esta não poderia acontecer em outra cidade, pois Barra do Garças hoje é vista como referência do artesanato em Mato Grosso”.

Cicera Rolim representante da secretaria da Micro e Pequena Empresa da Presidência da Republica disse estar contente com a parceria entre as esferas do governo – “este evento consolida o micro e pequeno empreendedor tanto de Mato Grosso como também o convidado Estado de Goiás que juntos expõem seus trabalhos e produtos em um local com grande infraestrutura e qualidade”, afirmou.

O prefeito Roberto Farias agradeceu aos parceiros do evento e na oportunidade lembrou uma de suas promessas de campanha que era “transformar o município em um polo têxtil, para isso firmou pleito junto ao ministro-chefe da Secretaria da Micro e Pequena Empresa da Presidência da República Afif Domingos na aquisição de máquinas de costuras para montar uma indústria de confecção em Barra do Garças, promovendo emprego e renda”. Falou que “Barra tem capacidade e mão de obra para se consolidar no ramo têxtil sendo referência em Mato grosso e estados vizinhos, afirmou.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.5%
1.4%