17/10/2014 às 07h54min - Atualizada em 17/10/2014 às 07h54min

Ministro e senador participam de ato em favor de Dilma no Araguaia

Ronaldo Couto
Araguaia Notícia

O ministro da Agricultura Neri Geller e o senador eleito Welinton Fagundes participaram quinta-feira (16) de um ato político em favor da candidatura a reeleição de Dilma Rousseff em Barra do Garças no Vale do Araguaia. 

O evento foi realizado no salão Quarto Crescente com a participação de prefeitos da região, vereadores, lideranças comunitárias, universitários e donas-de-casa. Welinton agradeceu a confiança de Dilma em indicá-lo para coordenar a campanha em Mato Grosso nesse segundo turno e pediu aos barra-garcenses que votem novamente em Dilma.

“A presidente ganhou aqui no primeiro turno e espero que isso se repita no segundo turno para que as obras estruturais como Br 158, MT 100, anel viário, UFMT e IFMT não parem na região. Sem contar os avanços socais registrados com o Pronatec, Prouni, faculdade e Mais Médicos”, destacou Welinton. O senador disse que entre os pedidos que fez a presidente Dilma está à implantação do curso de medicina em Barra do Garças.

“Com início do anel viário, a nova bandeira que estamos defendendo é o curso de medicina o mais rápido possível para Barra do Garças”, completou.

O ministro Neri Geller ressaltou que Dilma reconheceu a importância de Mato Grosso ao chamá-lo para um ministério importante. “São trinta que não havia um ministro mato-grossense e num ministério de destaque onde estamos ajudando a fomentar a produção de alimentos em MT”, completou.

O deputado federal Ságuas Moraes também participou do evento ao lado do vice-prefeito de Barra do Garças Mauro Piauí que representou o prefeito Roberto Farias. Os prefeitos Gercino Caetano e Divina Oda também declamaram apoio a Dilma.

A presidente do Diretório dos Estudantes (DCE) da UFMT Thaiz Brasil fez um discurso contundente em que lembrou que hoje os filhos de trabalhadores podem virar doutor na faculdade. “E isso se deve ao governo de Lula e agora de Dilma”, frisou.

O pró-reitor da UFMT José Pessoa também discursou e exemplificou com números os avanços alcançados com o governo Dilma no Ensino Superior. “Hoje temos 16 cursos, restaurante que oferece comida a 1,00 para os alunos e 250 mil são aplicados só em bolsa para os estudantes estudarem em pesquisas com ajuda para moradia e alimentação”, completou.

O senador Welinton e o ministro Geller seguiram para o Nortão de Mato Grosso onde farão mais eventos em prol da candidatura de Dilma.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.4%
24.3%
1.4%