17/12/2011 às 10h01min - Atualizada em 17/12/2011 às 10h01min

Índios suspendem bloqueio após intensa negociação

Olhar Direto
Reprodução/Ilustração

Depois de intensa negociação os índios xavantes de Mato Grosso suspenderam por volta das 21h30 de quinta-feira (16) o bloqueio das Brs 070 e 158 no leste do estado, na região denominada Araguaia. Cerca de trinta e dois municípios da região ficaram isolados por mais de oito horas de Cuiabá e de Goiânia.

Filas quilométricas se formaram nas duas rodovias e muita reclamação. Motoristas ameaçavam avançar veículos sobre os índios e o clima ficou tenso. Patrulheiros, motoristas e até mesmo políticos da região ajudaram a convencer aos índios suspenderem a manifestação e aguardar uma comissão de Brasília de responsáveis do DNIT e Funai.

Os índios querem a construção de um quebra-molas próximo a reserva Sangradouro onde segundo eles morreu no ano passado um indígena atropelado; a edificação de um corredor de animais silvestres a margem da pista e uma revisão no Plano Básico Ambiental (PBA). Os bloqueios estavam acontecendo próximo ao Paredão Grande, a 200 km de Barra do Garças na Br 070 e a 20 km de Água Boa da Br 158 próximo a reserva dos Areões.

Usando pedaços de madeira, pneus velhos e escudo-humano os índios de Sangradouro e São Marcos fecharam a Br 070 de manhã e por volta das 17 horas bloquearam a Br 070 com a participação dos xavantes da reserva Areões e Pimentel Barbosa.

Um dos líderes do movimento, o índio Hiparidi Xavante, disse que os índios lutam há muito tempo para colocar um quebra-mola próximo a Sangradouro. A pauta foi definida entre as lideranças na quarta-feira. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
4.5%
16.9%
77.3%