11/12/2011 às 18h55min - Atualizada em 11/12/2011 às 18h55min

Acadêmicos de Agronomia atendem pequenos produtores rurais em Nova Xavantina

Notícias NX
Reprodução

Acadêmicos de Agronomia da Universidade do Estado de Mato Grosso, campus de Nova Xavantina, atendem pequenos produtores rurais do município por meio do projeto Ações de extensão rural em quintais agroflorestais de Nova Xavantina. Os primeiros resultados dos trabalhos foram apresentados para a comunidade do município no inicio de dezembro, na Câmara Municipal.

A coordenadora do projeto, professora dra. Vanessa Cristina de Almeida Theodoro, explica que ao todo são 36 acadêmicos envolvidos nas ações extensionistas, sendo do 7º e do 5º semestres. Os alunos foram divididos em seis grupos sendo que cada grupo fica responsável por atender uma propriedade rural.

Entre as ações efetuadas está a coleta de amostras de solo, entrega dessas análises de solo interpretadas, cálculo do calcário a ser utilizados, diagnóstico técnicos das propriedades rurais com o apontamento para os pontos positivos e os entraves para a transição agroecológica, elaboração de planos de manejo orgânico para que seja estimulado a produção local de alimentos e segurança alimentar.

A professora explica que o trabalho visa inclusive incentivar e aumentar a produção de alimentos no município, uma vez que mais de 90% dos alimentos consumidos em Nova Xavantina são provenientes de Goiânia-GO, o que é uma situação complicada.

Para 2012, o projeto ainda prevê a realização de oficinas, fomento para cadastro da associação no Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) e regulamentação do uso do selo orgânico.

Durante a apresentação dos trabalhos desenvolvidos em 2011, na Câmara Municipal, foi apresentada para a comunidade a propostas de transição agroecológica em grupos que assumiram as seis propriedades rurais (feitas com base nas normas de Agricultura Orgânica do Mapa).

Na segunda etapa os produtores serão atendidos pelos bolsistas do projeto na execução dos planos de manejo orgânico, contando com o incentivo do B Brasil com linhas de financiamento diferenciadas para a agricultura familiar. O projeto também conta com o apoio da Prefeitura Municipal que adquiriu o calcário (que já se encontra nas propriedades rurais).

Para garantir maior agilidade nas ações, a Unemat assinará um acordo de cooperação com a associação para disponibilizar o maquinário agrícola necessário para aplicação e incorporação do calcário nas propriedades. As sementes e mudas de espécies recomendadas nos planos de manejo elaborado pelos acadêmicos da Unemat foram doados pela vereadora Marta Negrão.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
4.8%
16.7%
77.2%