10/12/2011 às 13h17min - Atualizada em 10/12/2011 às 13h17min

Mulher acusada de matar avô de jogador do Flamengo é presa

Olhar Direto
Polícia Civil-BG

A jovem Elisângela Lamoniel Vilela foi presa na tarde desta sexta-feira (9) pela Polícia Civil de Barra do Garças. Ela é acusada de matar o aposentado Cerilo Alves Mota, 87 anos, avô jogador Lorran do Flamengo.

A acusada estava escondida em uma chácara em Aragarças-GO. Na delegacia, chorando, ela disse que fez o crime sozinha e inocentou o outro acusado Luciano de Oliveira Miltes, conhecido como Carnuke, que é ex-jogador do Sub-18 do Barra do Garças.

Ela afirmou perante os repórteres e o delegado João Pessoa que matou o aposentado sozinha. Seo Cirilo foi encontrado morto pela família na madrugada de sábado (3), com marcas de estrangulamento no pescoço. Sobre Charnuke, o delegado disse que ele está desaparecido e há informações que ele foi visto junto com acusada na residência do aposentado na noite do crime.

O aposentado foi vítima de latrocínio. Ele teria sido assassinado pelo dinheiro da aposentadoria. Os filhos da vítima compareceram à delegacia durante a prisão da acusada e perguntavam a todo instante porque ele fez isso com ele. O aposentado foi enterrado com a camisa do Flamengo, clube do coração, no qual joga o neto Lorran.

O delegado João Pessoa disse que as diligencias continuam buscando o segundo suspeito do crime. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
4.7%
16.8%
77.2%