12/08/2014 às 13h01min - Atualizada em 12/08/2014 às 13h01min

São Félix lidera o número de focos de queimadas

Agência da Notícia
Agência da Notícia

Mato Grosso foi o estado brasileiro que mais registrou focos de calor neste início de mês. Em dez dias, o satélite referência do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) detectou 988 focos no estado. Em segundo lugar no ranking nacional está o Maranhão, com 937 focos, seguido do Pará, com 829 focos.

No acumulado do ano, Mato Grosso e Maranhão também aparecem no topo da lista. Dos 35.115 focos registrados no Brasil, 7.999 foram aqui no estado e 4.326 no estado nordestino.

Os focos de calor são locais cujas temperatura estão acima de 47°C. Entretanto, não são, necessariamente, considerados focos de fogo ou incêndio. Em Mato Grosso, o período proibitivo de queimadas começou no último dia 15 de julho.

Os municípios que mais tiveram focos de calor durante o mês de agosto em Mato Grosso foram Nova Nazaré, com 72, Campinápolis, com 64, Feliz Natal, com 59, Colniza com 56, e Gaúcha do Norte, com 45. E, entre 1º de janeiro deste ano até este domingo (10), os municípios com maior quantidade de focos foram Nova Maringá, com 563, São Félix do Araguaia, com 388 e Tangará da Serra, com 302.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%