Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
04/01/2023 às 07h45min - Atualizada em 04/01/2023 às 07h45min

MPE denuncia jornalista por espancar namorada em MT; prisão é mantida

Peça acusatória aponta crimes de lesão corporal e violência psicológica

O Ministério Público de Mato Grosso (MP-MT) ofereceu denúncia contra o jornalista e apresentador Lucas Ferraz, suspeito de ter agredido a namorada, Katrine Gomes da Conceição, de 20 anos, em uma festa de confraternização, em Tangará da Serra. Caso o juízo da Vara Criminal de Tangará da Serra receba a denúncia, ele se tornará réu pelos crimes de lesão corporal e violência psicológica. A denúncia é assinada pelo promotor de Justiça Felipe Augusto Ribeiro de Oliveira.

Ele aponta que Lucas Ferraz teria agredido a namorada por entender que ela estaria flertando com Rogison Roberto Machado de Carvalho. O MP-MT aponta ainda que já na casa dos dois, ele teria agredido Katrine novamente com socos no rosto e até pego uma faca, tentando golpeá-la na região do abdômen.

“Descobriu-se, também, no decorrer das investigações, que até o dia 22 de dezembro de 20221, na cidade de Tangará da Serra/MT, Lucas Vieira do Nascimento, mediante constrangimento e humilhação, causou dano emocional à Katrine Gomes da Conceição, prejudicando e perturbando seu pleno desenvolvimento, além de degradar/controlar seus comportamentos e decisões”, diz trecho da denúncia.

O MP-MT também emitiu parecer sobre o pedido de revogação da prisão preventiva do apresentador. O promotor apontou que há indícios de que o jornalista teria constrangido a vítima para tentar diminuir sua responsabilidade criminal no caso e destacou o histórico de agressões que ele é suspeito.

“Ademais, não se olvide que o denunciado ostenta registros criminais graves de violência doméstica e familiar contra a mulher, o que resplandece a necessidade da prisão preventiva para a garantia da ordem pública e para garantir a integridade física e psicológica da ofendida”, destaca o promotor.

Lucas Ferraz foi preso em dezembro, suspeito de ter agredido a namorada, Katrine Gomes da Conceição, de 20 anos, em uma festa de confraternização, em Tangará da Serra. No dia das agressões, a jovem chegou a denunciar o crime aos participantes da festa, que a socorreram, dizendo inclusive que aquela não era a primeira vez que era agredida. No dia seguinte, no entanto, a vítima voltou atrás em sua declaração e disse que os ferimentos foram provocados por ela mesma, em um surto. O jornalista foi indiciado pelos crimes de lesão corporal contra a mulher por razões de sexo, bem como pelo crime de violência psicológica contra a mulher.

Fonte: FOLHAMAX 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90