05/12/2011 às 23h00min - Atualizada em 05/12/2011 às 23h00min

Moto-taxistas comemoram vitória ao lado de prefeito

Parte da categoria não gostou alegando que mostra atrelamento político

Olhar Direto
Reporter do Araguaia

O presidente do sindicato dos Moto-axistas de Barra do Garças, Domingos Chagas Ferreira, foi reeleito para um novo mandato após derrotar a chapa de oposição encabeçada pelo ex-presidente Raimundo Nonato Pereira do Nascimento. A eleição foi realizada sexta-feira (30) com a participação de mais de 250 componentes do movimento que é considerado o mais organizado de Barra do Garças e foi criado em 1997.

Domingos obteve 164 votos contra 74 do adversário, porém o que chamou atenção e até causou certa polêmica por parte do grupo de oposição foi o fato da chapa vencedora juntamente com setenta moto-taxistas ter ido comemorar a vitória na casa do prefeito de Barra do Garças, Wanderlei Farias. Concedendo entrevistas de agradecimento do apoio do chefe do executivo barra-garcense ao movimento.

O grupo de oposição entende que houve exagero e que isso pode passar uma imagem que o sindicato está ‘atrelado’ ao prefeito. Domingos disse que não existe submissão do grupo e sim uma parceria com a prefeitura que possibilitou a estruturação do sindicato inclusive construção de sede e agora um clube recreativo com campo de futebol e em breve uma piscina.

Apesar da polêmica, o ex-presidente Raimundo desejou boa sorte para o segundo mandato de Domingos e pediu ele faça uma prestação de contas do seu mandato à frente do sindicato.

A cidade de Barra do Garças foi à primeira em Mato Grosso a legalizar o serviço moto-taxi em 1997 com pressão do ex-vereador Zózimo Chaparral que depois se tornou um ídolo da categoria inclusive sendo eleito prefeito em 2004. Raimundo apoiado por ‘Chapa’ chegou à presidência do sindicato.

A novidade deste ano para os moto-taxistas é a criação de um clube recreativo com campo de futebol e futuramente piscina, cuja área foi dada pela prefeitura e o presidente escolhido é o moto-taxista Welinton Andrade da Silva, conhecido como Mandioquinha, que é do grupo político do ex-deputado Adalto de Freitas, o Daltinho.  


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
4.7%
16.8%
77.2%