30/07/2014 às 13h28min - Atualizada em 30/07/2014 às 13h28min

Estudante de Direito é indiciado por homicídio qualificado e ex-namorada confirma discussão por ciúme

Patrícia Neves
Patrícia Neves/ OD

A morte do vendedor Cristian Gleidson Castro Rodrigues, 20 anos, foi cometida em razão do ciúme excessivo do estudante do curso de Direito, Renan Antônio de Almeida, 18 anos, conforme a investigação conduzida pela delegada Silvia Pauluzzi, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ele será indiciado pelo crime de homicídio. “E com a qualificadora, motivo fútil”. Renan na manhã de hoje afirmou que foi vítima de uma tentativa de assalto no interior do banheiro do Terminal do CPA I, e apenas teria reagido a uma abordagem da vítima (com uma faca). Ao lutar, acabou ferindo sua mão

Cristian, que trabalhava em uma loja na área central de Cuiabá, foi esfaqueado no banheiro do terminal de ônibus do CPA I,na manhã de hoje (28). Mesmo ferido, ele caminhou alguns metros no meio dos usuários e apontou para o autor do golpe.

A delegada informou que inicialmente a jovem de 16 anos negou conhecer a vítima, mas o depoimento de três pessoas que estavam no terminal minutos antes do crime, ajudaram na investigação já que relataram que havia, de fato, acontecido uma discussão. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.4%
1.4%