02/12/2011 às 16h25min - Atualizada em 02/12/2011 às 16h25min

Vereador entrega o time se prefeito pagar dívida com o clube

Mais dois vereadores brigam para ser presidente do Barra

Olhar Direto
Ronaldo Couto

O presidente do Barra do Garças Futebol Clube (BGFC), vereador Sávio Carvalho, confirmou a intenção de deixar a presidência do Galo da Serra em 2012, mas desde que a Prefeitura quite a dívida de R$ 70 mil com o time.

Carvalho alegou que passou sufoco em 2011 à frente do Galinho porque não teve apoio do prefeito Wanderlei Farias devido a uma mera questão política. Ele é oposição ao prefeito no legislativo barra-garcense.

O presidente lembrou a promessa, feita no início da temporada deste ano pelos vereadores Celson Souza e Júlio César, de conseguir apoio financeiro para o time na Prefeitura. Chegou a ser mencionado o valor de R$ 170 mil, todavia tanto o prefeito quanto os vereadores negam esse valor. Entretanto, os R$ 70 mil oferecidos pela Prefeitura também não foram pagos.

“Eu entrego o Barra desde que a Prefeitura salde essa dívida de R$ 70 mil - que não é comigo, mas com despesas do próprio time”, completou. O vereador disse que há despesas no comércio local inclusive com reforma e melhorias na iluminação do estádio Zeca Costa.

Carvalho mencionou que o time gastou R$ 618 mil para ser vice-campeão neste ano e teve como receita algo em torno de R$ 300 mil. Segundo o presidente, foram desembolsados R$ 240 mil para tocar o time e outros R$ 80 mil de dívida seriam saldados com a verba prometida pela Prefeitura.

Os vereadores Celson Souza e Júlio César estão se articulando nos bastidores para assumir o Barra. Já aconteceram duas reuniões na Federação Mato-grossense de Futebol e o Barra não enviou representante. A estréia do Galo está marcada para o dia 22 de janeiro, contra o Sorriso.

Uma das condições colocadas por Carvalho para entregar o time é a quitação da dívida. Pela primeira vez desde que surgiu a polêmica o presidente do Galo deixou escapar que pode continuar no comando da equipe se não confirmar a intenção de Celson e Júlio em assumir o posto. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
4.8%
16.7%
77.2%