25/07/2014 às 15h01min - Atualizada em 25/07/2014 às 15h01min

Pedreiro é morto a tiros enquanto trabalhava em obra esta manhã

Olhar Direto
Ilustração

O pedreiro Teodoro Júlio Coelho, de 38 anos, foi morto a tiros, nesta quinta-feira de manhã, enquanto ele trabalhava em uma construção na rua Nicolas Flezak, do bairro Boa Esperança, em Sinop, por dois homens que chegaram ao local usando uma motocicleta.

De acordo com informações apuradas com testemunhas pela Polícia Militar, aquele que estava na garupa chamou o pedreiro pelo nome. Em seguida, sacou um revólver e efetuou vários tiros na direção dele. Pelo menos dois projéteis acertaram o tórax da vítima. Os motociclistas fugiram em seguida.

O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas nada pôde fazer para salvar Teodoro, que já estava sem os sinais vitais quando a viatura de resgate chegou ao local.

A Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) analisou as circunstâncias do crime para elaboração de laudo. O corpo foi encaminhado para exame de necropsia no Instituto Médico Legal (IML) e será liberado posteriormente para a família enterrá-lo.

A Polícia Civil já tem suspeitos e investiga o caso. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.4%
1.4%