29/06/2022 às 08h46min - Atualizada em 29/06/2022 às 08h46min

'A única saída é completar o ciclo vacinal', alerta prefeito Adilson sobre avanço da Covid e baixa procura por vacinação

Em Barra do Garças mais de 6 mil pessoas só tomaram a primeira dose da vacina e 90% das UTIs de Mato Grosso estão ocupadas por pessoas neste perfil

Araguaia Notícia
Nesta terça-feira (28), o prefeito de Barra do Garças, Dr. Adilson Gonçalves, manifestou intensa preocupação com o avanço da Covid-19 no estado de Mato Grosso e, especialmente, no próprio município. Ele destacou a importância da vacinação para barrar o aumento de casos e prevenir internações e óbitos.

Em Barra do Garças, mais de 6 mil pessoas não tomaram, sequer, a segunda dose da vacina, de acordo com os dados da Secretaria Municipal de Saúde. De acordo com o secretário de Saúde, Adilson Tavares, pessoas neste perfil deixam a cidade vulnerável aos impactos da contaminação e podem comprometer o sistema de saúde novamente. “A nossa preocupação é que Barra do Garças possa repetir o cenário que se projeta em Mato Grosso e as vagas de UTI se encherem de pessoas com ciclo vacinal incompleto”, concluiu o secretário.

Diante do cenário preocupante, o prefeito da cidade, Dr. Adilson Gonçalves, não descartou a possibilidade de tomar medidas mais restritivas. “Não é a nossa vontade que isso aconteça, por isso pedimos que a população tenha consciência e tome todas as doses, pois a única saída é completar o ciclo vacinal”, disse.

Clique aqui para entrar no grupo Araguaia Notícia do WhatsApp

Clique aqui para entrar no grupo Araguaia Notícia do Telegram 
 
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »