11/07/2014 às 23h03min - Atualizada em 11/07/2014 às 23h03min

Padre famoso por cantar hinos sertanejos se apresenta sábado em Nova Xavantina

Edvaldo Moreira / Secom-Nova Xavantina
Tv Aparecida

O prefeito de Nova Xavantina, Gercino Caetano, está convidando a população de Barra do Garças e região do Araguaia para prestigiar no município de Nova Xavantina neste sábado (12), o show do padre Alessandro Campos da TV Aparecida, famoso por cantar hinos sertanejos.

Esse padre se tornou atração nacional por arrastar multidões para os seus shows de evangelização com músicas animais e uma linda mensagem sobre Jesus Cristo. O show de Alessandro está previsto para começar às 20 horas de sábado, na praia do Sol, e é uma das atrações da temporada de praia de Nova Xavantina conforme explicou o prefeito Gercino.

“Nós gostaríamos muito de receber os amigos de Barra do Garças, General Carneiro, Torixoréu, Água Boa, Canarana e Araguaiana para assistir o show do padre que conosco e prestigiar a nossa temporada”, frisou Gercino.

O secretário de Turismo e Meio Ambiente, Valteri Araújo (Valtinho) disse que neste sábado não será permitido à comercialização de bebida alcoólica atendendo solicitação dos organizadores do Primeiro Encontro de Jovens Redentoristas em Nova Xavantina e que estará participando do show.

“Nós temos informações que a comunidade católica está montando caravanas nas cidades vizinhas para assistir o show do padre Alessandro”, destacou.

O padre Alessandro Campos é reconhecido nacionalmente, tem programa televisivo na TV Aparecida e tem levado milhares de pessoas em seus shows. Para alcançar tamanho sucesso, o padre começou a parodiar as principais músicas sertanejas que estão na boca do povo, formatando-as com letras cristãs.

Acompanhe aqui no Araguaia Notícia – o maior portal de notícias do Vale do Araguaia – mais informações da temporada de praia de Nova Xavantina. A praia do Sol promete 'bombar' neste ano de 2014.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.4%
1.3%