02/07/2014 às 19h49min - Atualizada em 02/07/2014 às 19h49min

Operação 'São João' leva 130 pessoas à prisão

Agência da Notícia
Agencia da Noticia

A Polícia Judiciária Civil prendeu 130 pessoas na operação “São João”, realizada entre os dias 23 a 27 de junho deste ano, no interior do Estado. A ação coordenada pela Diretoria de Interior ocorreu nos 13 polos regionais, com objetivo de combater a criminalidade, efetuar prisões, apreender drogas e armas, entre outros delitos.

Em cinco dias foram cumpridos 43 ordens judiciais (prisão e busca), resultando em 130 pessoas presas e na lavratura de 104 autos de prisão em flagrante delito.

Também foram apreendidos 16 armas de fogo, 30 veículos irregulares, cerca de R$ 650 reais, 70 munições de diversos calibres, e 1,9 quilo de entorpecentes, além de objetos oriundos de roubos e furtos como jóias, relógios, galões de óleo diesel, computador, aparelhos de celular, ferramentas, roupas, mochilas e bonés.

A Regional de Rondonópolis cumpriu 31 mandados e lavrou 27 autos de prisão em flagrante. Em Alta Floresta foram 20 flagrantes lavrados e 16 ordens judiciais cumpridas.

Na Delegacia Regional de Diamantino foram cumpridos 14 mandados, culminado em 9 autos de prisão em flagrante. Em Confresa foram 13 ordens judiciais, seguida da Regional de Sinop com 7 mandados cumpridos.

A maior quantidade de drogas foi apreendida na região de Sinop que totalizou cerca de 1 quilo e 700 gramas. A operação empregou efetivo de 389 servidores, entre delegados, escrivães e investigadores.

Participaram da ação as Delegacias das Regionais da Polícia Judiciária Civil de Água Boa, Alto Araguaia, Alta Floresta, Barra do Garças, Cáceres, Confresa, Diamantino, Primavera do Leste, Pontes e Lacerda, Sinop, Juína, Rondonópolis e Tangará da Serra. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.1%
24.5%
1.4%