02/05/2022 às 06h48min - Atualizada em 02/05/2022 às 06h48min

Durante operação, investigados oferecem R$ 19 mil a policiais em tentativa de suborno em MT e dinheiro é apreendido

G1 MT 
ARAGUAIA NOTÍCIA 


A Polícia Militar apreendeu R$ 19 mil ofertados em subornos a policiais que atuavam na Operação Triênio, que começou no dia 26 de abril e encerrou neste domingo (1°), em Guarantã do Norte, a 750 km de Cuiabá.

Também foram apreendidos 18 quilos de drogas e 19 armas de fogo.

Conforme o balanço divulgado pela PM neste domingo, 75 pessoas foram detidas e encaminhadas à Delegacia da Polícia Civil. O levantamento registrou ainda 190 boletins de ocorrências de vários crimes.

Segundo a polícia, durante a operação, os policias realizaram abordagens de condutores e revistaram veículos para verificação de antecedentes criminais, porte ilegal de armas, cumprimento de mandados de prisão em aberto, retirada de circulação de veículo em condições irregulares e de pessoas em atitudes suspeitas.

Em algumas abordagens, os suspeitos ofereciam dinheiro aos militares para os liberarem.

As ações foram realizadas em nove municípios, tanto nas regiões urbanas e rurais, sendo eles Guarantã do Norte, Marcelândia, Matupá, Nova Guarita, Nova Santa Helena, Novo Mundo e Terra Nova do Norte.

O objetivo da operação, segundo a polícia, foi reforçar o policiamento na região norte do estado e diminuir o número de crimes registrados.

A operação foi coordenada pela Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp-MT), por meio do 15º Comando Regional Peixoto de Azevedo da Polícia Militar, e contou com apoio da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Penal, bem como com suporte de unidades especializadas da PMMT, como a Força Tática 10º CR, Rotam e Cavalaria.

CLIQUE AQUI  e entre no grupo de whatsApp do ARAGUAIA NOTÍCIA e receba informações em tempo real

CLIQUE AQUI e entre no grupo do telegram do ARAGUAIA NOTÍCIA e receba informações em tempo real
 
 
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.7%
75.2%