Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
20/03/2022 às 17h48min - Atualizada em 20/03/2022 às 17h48min

Onda de ameças a comerciantes, que passou por Barra do Garças, chega ao interior de Goiás

Araguaia Notícia
G1 GO 
ARAGUAIA NOTÍCIA


Comerciantes da cidade de Rio Verde, no estado de Goiás, estão sentindo na pele o mesmo que sentiram alguns empresários de Barra do Garças no mês de fevereiro. Mensagens de ameaças e intimidações de criminosos alegando que são de facções e que vão barbarizar com as vítimas.

Neste domingo, essa onda de crime chegou a cidade de Rio Verde, no sudoeste e Goiás. É o mesmo modo operandi. Os supostos criminosos entram em contato por redes sociais, acusam empresários de denunciar uma facção criminosa da cidade, e usam até ameaças de morte para exigir dinheiro. Oito vítimas denunciaram o golpe na delegacia.

Os criminosos enviam vídeos segurando armas e falando que “vão tocar o fogo e matar quem estiver lá, sem exceção”. As ameaças continuam em áudios:  “Estou falando e você não está nem aí. Você está esperando o quê? Chegar aí e acontecer o pior? Os caras chegarem aí e meter bala em todo mundo e até gente inocente morrer?”, diz um áudio enviado a um comerciante.

As ameaças são enviadas a comerciantes escolhidos de forma aleatória, segundo a polícia. O dinheiro exigido é para perdoar a suposta denúncia contra a facção. As vítimas, porém, que não fizeram nenhuma denúncia acabam fazendo o que eles querem por medo. Uma comerciante que não quer se identificar contou que recebeu ameaças.

“Ele falou que eu tinha denunciado uma boca de fumo, que a partir daquele momento a minha vida estava nas mãos dele. Aí questionei se ele estava ligando para a pessoa certa”, disse a mulher. Segundo o delegado que investiga o golpe, Danilo Fabiano, as imagens enviadas pelos criminosos são copiadas da internet.

“Esses estelionatários têm utilizado vídeos capturados na internet, portanto, não são dessas facções que eles dizem ser. O objetivo deles é causar pânico no empresário para que ele, naquele momento de desespero, faça a transferência tendo um prejuízo financeiro”, disse o delegado.

Aqui em Barra do Garças, cinco comerciantes procuraram a delegacia no mês passado denunciando a mesma situação. Amedrontado, um dos empresários, chegou a efetuar um pagamento de 200,00. 

CLIQUE AQUI PARA ASSISTIR VÍDEO DE AMEAÇAS EM RIO VERDE-GO

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI)
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90