16/02/2022 às 15h59min - Atualizada em 16/02/2022 às 15h59min

PM apreende oito membros de facção criminosa em MT

MidiaNews
Araguaia Notícia
MidiaNews via Araguaia Notícia

Oito membros do PCC, facção criminosa paulista, foram presos em flagrante na terça-feira (15), em Cáceres (220 km de Cuiabá). Seis homens e duas mulheres foram detidos.

A quadrilha foi localizada em uma residência, na região central da cidade, com diversos armamentos, munições e drogas.

Conforme o boletim de ocorrência, por volta de 15h a PM recebeu informações de que membros de uma organização criminosa estariam em posse de armas, em uma residência. A equipe foi ao endereço, visualizou dois homens saindo da casa em uma motocicleta e os abordou poucos metros depois.

Em revista, nada de ilícito foi encontrado com a dupla, mas, questionados sobre pertencerem a uma facção criminosa, os homens confessaram e informaram que na residência denunciada haveria armas para que a organização se protegesse de uma facção rival na cidade, o Comando Vermelho.

Reforço policial foi acionado em direção ao imóvel, momento em que foi visto outros dois tentando fugir pelos fundos da casa. Os homens foram detidos e com eles foram encontradas duas armas de fogo de calibre 38 com cinco munições e uma pistola 9mm com oito munições. 

Os policiais adentraram a casa e encontraram duas mulheres e um homem tentando fugir por uma escada, sendo os três detidos pela equipe.

No local foram localizados um tablete inteiro e outro médio de substância análoga a cocaína e 270 porções da mesma droga; R$ 889 em dinheiro; e uma caixa com munições, contendo 50 munições de calibre 38 e 13 munições de calibre .40.

Durante a ocorrência, a equipe da Força Tática recebeu denúncia de que um suspeito teria fugido da residência em uma motocicleta.

Os policiais conseguiram localizar o homem, que confirmou ser parente das duas presas e que também faria parte da organização criminosa.

Diante dos fatos, todos os suspeitos e os materiais apreendidos foram encaminhados para a Delegacia de Cáceres para o registro da ocorrência e as demais providências.

Os membros da quadrilha foram autuados por constituirem organização criminosa, posse ilegal de arma de fogo e associação para tráfico de drogas.
Notícias Relacionadas »
Comentários »