15/02/2022 às 22h20min - Atualizada em 15/02/2022 às 22h20min

Filho adotivo é preso após ameaçar e furtar cartões do pai de 80 anos

O suspeito ameaçava o pai, pegava cartão de banco e ainda furtava objetos da residência, em Lucas do Rio Verde.

Araguaia Notícia
Araguaia Notícia com informações de Raquel Teixeira PJC-MT

Um crime terrível foi registrado no norte de Mato Grosso. Policiais civis da Delegacia de Lucas do Rio Verde cumpriram na segunda-feira (14.02) a prisão de um homem de 40 anos, investigado por diversos crimes praticados contra seu pai, um idoso de 80 anos. O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela equipe do Núcleo de Atendimento ao Idoso da unidade da Polícia Civil do município.

A decisão foi deferida pela Justiça após investigação da Polícia Civil que apurou a situação de vulnerabilidade vivenciada pelo idoso diante de atos praticados pelo suspeito, que é filho adotivo da vítima.

Conforme a apuração, o idoso vinha sofrendo constantes ameaças do filho que, inclusive, agredia o pai verbalmente e ainda pegava cartões de crédito da vítima, que ficava impedida de fazer saques em conta bancária para seu sustento. Além disso, o suspeito furtava objetos da residência e vendia para comprar entorpecentes.

A situação de vulnerabilidade do idoso foi objeto de dois Termos Circunstanciados de Ocorrências instaurados no ano passado pelo crime de ameaça, sendo concluídos e encaminhados ao Poder Judiciário.

O suspeito também foi investigado em diversos inquéritos instaurados em ano anteriores por tráfico e associação para o tráfico, roubo, furto qualificado, ameaça no âmbito da violência doméstica, posse de munição e corrupção de menores.

“O idoso e sua esposa são obrigados a suportarem o desrespeito e a agressividade do filho, que nem sequer contribui financeiramente para o sustento da residência, preferindo a ociosidade de uma vida fácil e se recusa a ser internado em estabelecimento próprio para recuperação de seu vício”, explicou o delegado Eugênio Rudy Jr. ao representar pela prisão do suspeito, acrescentando que a situação e ameaças vêm causando prejuízos à saúde do idoso.

Após o cumprimento da prisão, o suspeito foi encmainhado ao Centro de Detenção Provisória de Lucas do Rio Verde.
Notícias Relacionadas »
Comentários »