06/02/2022 às 12h08min - Atualizada em 06/02/2022 às 12h08min

Homem mata a mulher durante discussão, manda mensagem sobre o crime ao filho e é preso em fazenda

Lazara Cristina Batista Sousa, de 53 anos, foi morta pelo marido durante discussão em fazenda de Anápolis, Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Danielle Oliveira e Elisangela Nogueira / G1 GO e Tv Anhanguera 
ARAGUAIA NOTÍCIA 


Uma mulher de 53 anos foi morta a facadas pelo esposo, de 56 anos, em uma fazenda na zona rural de Anápolis, a 55 km de Goiânia, segundo a Polícia Militar. Após o crime, o marido mandou uma mensagem de áudio ao filho avisando que tinha matado a mulher. Conforme a PM, o rapaz, então, correu até a casa dos pais e encontrou Lazara Cristina Batista Sousa caída no chão do banheiro, sem vida. A Polícia Civil investiga o crime.

"A sua mãe estava me prejudicando demais, me humilhando. Eu matei ela", disse o homem na mensagem de áudio.

Como o nome do detido não foi divulgado pela corporação, o g1 não conseguiu localizar a defesa dele para que se posicione até a última atualização desta reportagem.[Lazara Cristina Batista Sousa, de 53 anos, foi morta pelo marido durante discussão em fazenda de Anápolis, Goiás 

O crime aconteceu na madrugada deste sábado (5), por volta de 00h30. De acordo com a Polícia Militar, a morte da mulher foi confirmada no local, pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Na casa, além da faca usada no crime, os PMs apreenderam um revólver, uma espingarda e munições. Além de feminicídio, o homem deve responder por posse ilegal de armas de fogo.

Segundo a Polícia Civil, após o flagrante feito pela Polícia Militar, o detido foi levado para a Central de Flagrantes. O caso será investigado a partir de segunda-feira (7).

Veja outras notícias da região no g1 Goiás.[PM apreende revólver, espingarda e munições na casa de homem suspeito de matar a mulher, em Anápolis, Goiás — Foto: Divulgação/Polícia Militar]PM apreende revólver, espingarda e munições na casa de homem suspeito de matar a mulher, em Anápolis, Goiás — Foto: Divulgação/Polícia Militar

CLIQUE AQUI  e entre no grupo de whatsApp do ARAGUAIA NOTÍCIA e receba informações em tempo real

CLIQUE AQUI e entre no grupo do telegram do ARAGUAIA NOTÍCIA e receba informações em tempo real


 
Notícias Relacionadas »
Comentários »