19/01/2022 às 16h59min - Atualizada em 19/01/2022 às 16h59min

Mulher em Barra do Garças é espancada pelo marido que tentou matá-la com um facão

A ocorrência foi registrada pela PM e o acusado está foragido

Araguaia Notícia
Um crime de violência doméstica foi registrado na noite de terça-feira (18/1) em Barra do Garças-MT em que vizinhos chamaram a Polícia Militar ao ouvirem gritos de socorro de uma mulher de 33 anos, que estava sendo agredida pelo companheiro.

Os policiais quando chegaram na casa encontraram a vítima com alguns hematomas e o acusado fugiu. Ela então contou a PM que estava sozinha na residência ouvindo música e tomando uma cerveja quando chegou o companheiro.

Ele teria chegado nervoso baixando o som e discutindo com a mulher. Num determinado momento, homem pegou um facão e jogou na direção da companheira, que conseguiu desviar do objeto cortante.

Ela então disse que não queria mais esse relacionamento e pediu ele leva-la até a rodoviária para ela iria embora. O agressor chegou a fazer isso, mas na rodoviária, voltou a discutir com a mulher e jogou as malas dela no chão.

Só que depois, ele se arrependeu e pediu para ela não ir embora. A vítima confiando nesse pedido, aceitou e voltou para casa. Ao retornarem, as agressões voltaram. Ela então correu para pular uma cerca e o agressor lhe arrastou pelos cabelos jogando-a no chão provocando lesões na perna e cabeça da vítima.

A mulher apresentava também outra lesão no olho esquerdo de 3 dias atrás e que teria sido causada pelo companheiro. A polícia fez diligencias para prender autor deste crime de violência doméstica, porém ele escapou e o caso será agora acompanhado pela Polícia Civil.

CLIQUE AQUI  e entre no grupo de whatsApp do ARAGUAIA NOTÍCIA e receba informações em tempo real

CLIQUE AQUI e entre no grupo do telegram do ARAGUAIA NOTÍCIA e receba informações em tempo real


 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.7%
75.2%