12/01/2022 às 18h40min - Atualizada em 12/01/2022 às 18h40min

Médico é acusado de assediar sexualmente paciente com sintomas gripais durante atendimento

Caso aconteceu em Várzea Grande

Vinicius Mendes/Olhar Direto
Araguaia Notícia
Vinicius Mendes/Olhar Direto via Araguaia Notícia

Um médico que trabalha na Policlínica Miguel Baracat, no bairro 24 de Dezembro em Várzea Grande, foi acusado de importunação sexual contra uma paciente de 19 anos. A vítima, que tinha sintomas de gripe, teve suas partes íntimas tocadas pelo profissional da Saúde. Ele já foi afastado do cargo.

Segundo informações da Polícia Civil, o caso foi registrado por volta das 18h01 de segunda-feira (10), na 1ª Delegacia de Polícia de Várzea Grande. De acordo com as informações, o fato ocorreu na Policlínica do bairro 24 de dezembro, onde a vítima compareceu com sintomas de gripe e durante a consulta, o médico teria tocado em suas partes íntimas.

O caso foi encaminhado para a Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, da Criança e do Idoso de Várzea Grande, que dará andamento nas investigações. A assessoria da PJC afirmou que mais detalhes sobre o caso não serão passados para preservar a vida íntima da vítima.

O profissional já foi afastado pela Secretaria de Saúde de Várzea Grande até que as investigações estejam concluídas. Caso ele seja formalmente denunciado, se for concursado será aberto um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) para as providências, porém, se for contratado ele deve ser demitido.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.2%
18.2%
75.2%