04/12/2021 às 09h15min - Atualizada em 04/12/2021 às 09h15min

Pitbull morre durante trajeto entre MG e MT: “eu disse para o dono que ele não aguentaria”, diz testemunha

O cão foi pego na cidade de Pará de Minas, em Minas Gerais, e acabou morrendo próximo a Nova Mutum, a 269 km de Cuiabá.

G1 MT
ARAGUAIA NOTÍCIA
Um cachorro da raça pitbull morreu durante um trajeto de táxi dog entre Minas Gerais e Mato Grosso. O cão faleceu próximo ao município de Nova Mutum, a 269 km de Cuiabá. O caso ocorreu nessa quarta-feira (1°).

Segundo o boletim de ocorrência, um morador de Cláudia, a 587 km da capital havia comprado o cachorro por R$ 3 mil de um vendedor de Pará de Minas (MG). Para realizar o transporte do cachorro, ele contratou um homem, de 32 anos, que trabalha com frete de animais. Ele recebeu R$ 1,5 mil pelo serviço.

Ao g1, o homem contratado para levar o animal, afirmou que recebeu o cachorro, no dia 29 de novembro, bastante debilitado, com várias marcas de feridas pelo corpo e sem nenhum atestado de saúde. Ainda segundo ele, o vendedor não deu nenhuma ração para o animal comer durante o trajeto.

“O cachorro estava com feridas antigas pelo corpo e não parecia estar bem. Falei o tempo todo ao comprador de Cláudia que o cachorro poderia não aguentar a viagem”, disse Rafael Apolinário Fernandes.

Já em Cuiabá, o veículo de Rafael apresentou problemas, causando atraso na viagem. Ele voltou a afirmar ao comprador que o cachorro não tinha condições de aguentar mais horas de viagem e que ele precisaria levá-lo a um veterinário.

No entanto, segundo Rafael, o dono não autorizou que o pitbull tivesse atendimento médico e insistiu para que ele seguisse o percurso.

Contudo, o animal acabou morrendo próximo ao município de Nova Mutum, onde houve o acionamento da polícia.

O g1 não conseguiu contato com o comprador, nem com o homem que vendeu o animal.

Conforme Rafael, ele vem recebendo ameaças após a morte do animal.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
5.4%
17.9%
75.4%