Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
15/11/2021 às 13h12min - Atualizada em 15/11/2021 às 13h12min

Homem que se diz militar do exército é preso por dirigir sem CNH e atropelar vítima ao sair de festa

Olhar Direto
ARAGUAIA NOTÍCIA
Um jovem de 19 anos, que não teve sua identidade divulgada, foi preso na manhã desta segunda-feira (15) após atropelar uma pessoa na Avenida Marechal Deodoro em Cuiabá. O suspeito, que disse ser militar do exército, não possuía CNH e saía de uma festa. Ele deixou a vítima no Pronto Socorro e foi abordado depois que saiu do local.

Por volta das 5h10 de hoje (15) uma equipe da Polícia Militar fazia rondas pelo Bairro Ribeirão do Lipa, quando passou pelo Hospital Municipal de Cuiabá e alguns funcionários chamaram os militares, relatando que uma pessoa vítima de atropelamento havia dado entrada no Pronto Socorro da unidade. 

Eles disseram que a vítima foi deixada por um veículo que logo saiu do local. Eles repararam que a parte frontal do carro estava danificada, o que indica que poderia ter sido aquele o autor do atropelamento. Os policiais conseguiram abordar o carro já na avenida que dá acesso ao Centro de Eventos do Pantanal.

Duas pessoas estavam no veículo. Os militares notaram que o farol direito e o para-brisa traseiro estavam danificados. O jovem relatou que saía de uma festa, seguia pela Avenida Marechal Deodoro e foi surpreendido pela vítima, que segundo ele surgiu repentinamente na frente do carro. Ele disse que não conseguiu evitar o acidente.

O suspeito ainda contou que tentou chamar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mostrando o registro no celular, mas os socorristas não foram ao local pois ele não soube informar o endereço. Por causa disso ele e o amigo decidiram levar a vitima ao HMC.

A PM verificou que o carro não era fruto de furto ou roubo, e que os dois jovens não possuíam passagem criminal. No entanto, verificou que o condutor do veículo não possui CNH. Ele disse ser militar do exército, mas não apresentou nenhuma identificação. Ainda assim a PM acionou o Exército para acompanhamento da ocorrência. Os dois foram encaminhados à delegacia e autuados pelos crimes de lesão corporal, conduzir veículo sob influência de álcool ou substância psicoativa, dirigir veículo sem permissão ou habilitação.

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real  CLIQUE AQUI
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90